Preloading Soc. Com. C. Santos
Loading...

Notícias

Novo EQB: SUV totalmente elétrico com até sete lugares

19/04/2021 22:07

Após o EQC, EQV e os mais recentes EQA e EQS, a família 100% elétrica Mercedes volta a crescer, agora com o novo… EQB! O mais recente SUV da família EQ foi apresentado no Salão de Xangai, na versão EQB 350 4MATIC, com 215 kW (292 cv) de potência, consumos de 19,2-18,1 kWh/100 km, uma autonomia de até 419 km (WLTP), para além de uma disponibilidade de até sete lugares.

A ofensiva elétrica da divisão Mercedes-Benz Cars não só está a ganhar ritmo, como também está a causar impacto pelos modelos Mercedes-EQ. Enquanto os primeiros modelos EQA chegam aos concessionários Europeus e o EQS, a versão do novo EQB específico para o mercado Chinês será apresentada ao mesmo tempo em Shanghai. É produzido na China na Beijing Benz Automotive Co., Ltd (BBAC), uma joint venture entre a Daimler e o seu parceiro Chinês, o BAIC Group. O design do novo SUV compacto totalmente elétrico interpreta o luxo progressivo da Mercedes-EQ de forma arrojada e imponente.

Na China, o novo EQB será lançado como um modelo topo de gama totalmente equipado com Linha AMG e uma potência de 215 kW. Na Europa, logo desde o lançamento, os clientes poderão escolher entre várias versões com tração dianteira, tração integral e vários níveis de potência, alguns superiores a 200 kW. A capacidade de armazenamento de energia útil das baterias do modelo para a Europa é de 66.5 kWh. Estas baterias são fabricadas nas fábricas da Daimler em Kamenz (Alemanha) e Jawor (Polónia). Está prevista uma versão com uma autonomia particularmente elevada. O consumo de energia elétrica do EQB 350 4MATIC na Europa, em WLTP, é de 19.2 kWh/100 km, com emissões de CO2 em ciclo combinado de 0 g/km e autonomia de 419 km.

A divisão Mercedes-Benz Cars está a impulsionar a eletrificação do seu portfolio de modelos. Com o EQA, o EQB, o modelo elétrico EQE e o EQS, será apresentado um total de quatro novos modelos da marca Mercedes-EQ. A família de modelos híbridos plug-in da Mercedes-Benz, atualmente constituída por mais de 20 versões de modelos, está a ser renovada com versões eletrificadas do Classe C e do Classe S. Para 2021, a divisão Mercedes-Benz Cars prevê aumentar a sua quota de modelos xEV, ou seja, veículos híbridos plug-in e totalmente elétricos, para cerca de 13%. Adicionalmente, os modelos híbridos suaves com motor de arranque/alternador e sistema elétrico de 48 V estão a ganhar terreno na gama de produtos, especialmente dos veículos de luxo do grupo.

Espaço generoso e compartimento de bagagens variável

O novo EQB (comprimento/largura/altura: 4684/1834 /1667 milímetros) enriquece a bem-sucedida família de modelos compactos da Mercedes e está estreitamente ligado a dois modelos em particular: ao EQA, com o qual partilha a avançada tecnologia de propulsão, e ao SUV compacto GLB. É deste modelo que é herdada a longa distância entre eixos (2829 milímetros), o interior espaçoso e variável e a terceira fila de bancos com dois bancos individuais adicionais.

O espaço é generoso: na versão de cinco lugares, a altura disponível até ao tejadilho na primeira fila de bancos é de 1035 milímetros, na segunda fila é de 979 milímetros. Com 87 milímetros, o espaço para os joelhos no banco traseiro da versão de cinco lugares atinge um nível confortável. O compartimento de bagagens tem um piso plano e é espaçoso: o volume do compartimento de bagagens de 495 até 1710 ou de 465 até 1620 litros (valores correspondentes às versões de cinco e de sete lugares respetivamente) tem as qualidades de uma carroçaria compacta tipo wagon. A inclinação dos encostos dos bancos na segunda fila pode ser ajustada de série em várias posições, estando disponível opcionalmente para esta fila de bancos uma regulação longitudinal de 140 milímetros. Isto permite aumentar o volume do compartimento de bagagens em 190 litros para uma maior versatilidade.

Como opção (de série na China), o EQB está disponível com uma terceira fila de bancos com dois bancos individuais adicionais. Os bancos oferecem às pessoas com uma altura até 1.65 metros um espaço confortável. As extensas medidas de segurança incluem os apoios de cabeça destacáveis, cintos de segurança com tensores e limitadores de esforço em todos os bancos laterais e um airbag de cortina que também cobre os passageiros na terceira fila de bancos. É possível instalar um total de até quatro cadeiras de crianças nas duas filas de bancos traseiros, mais uma no banco do passageiro dianteiro. Para aumentar o espaço do compartimento de bagagens, a terceira fila de bancos pode ser rebaixada e ficar à face do piso do compartimento de bagagens.

Design elétrico com cantos e arestas

O EQB interpreta o Luxo Progressivo da Mercedes-EQ de forma arrojada e imponente. O modelo integra a típica grelha de painel preto da Mercedes-EQ com estrela central. Outro elemento de design distintivo do mundo dos modelos elétricos da Mercedes-EQ é a contínua faixa de luz nas secções dianteira e traseira. Uma faixa horizontal de fibra ótica liga as luzes diurnas dos faróis full-LED, assegurando um elevado nível de perceção quer durante o dia quer durante a noite. A qualidade, o detalhe e a precisão do acabamento do interior dos faróis é de elevada qualidade. Os destaques na cor azul nos faróis reforçam a aparência da assinatura Mercedes-EQ.

A superfície vidrada orientada para a função com vidros verticais torna o interior o mais confortável possível. Os revestimentos de proteção em toda a periferia do veículo acrescentam estrutura às proporções gerais. Os ombros musculados e sensualmente contornados do modelo dominam a vista lateral, um efeito reforçado pela linha de cintura elevada. As rodas posicionadas tendencialmente para fora conferem ao EQB um forte carácter e uma postura de confiança na estrada. As jantes de liga leve de duas ou três cores são exclusivas neste modelo, estando disponíveis com dimensões de até 20 polegadas, em algumas versões com revestimento na cor ouro rosado ou azul.

Os farolins traseiros em LED unem-se continuamente numa faixa de luz LED cónica. Isto salienta a impressão de traseira larga do EQB. Adicionalmente, a placa da matrícula foi instalada no para-choques, o que permitiu criar uma porta traseira elegantemente esculpida.

O tablier de grandes dimensões tem um recorte na zona do condutor e do passageiro dianteiro. O condutor tem à sua disposição um Cockpit Panorâmico, com controlo e indicação através do MBUX (Mercedes-Benz User Experience). O carácter robusto do interior é destacado pelos elementos tubulares com visual em alumínio. Estão aplicados nos manípulos das portas, na consola central e no tablier no lado do passageiro dianteiro.

Em função da linha de design e de equipamento, uma espetacular peça de revestimento retroiluminada e elementos decorativos em rosé dourado nas saídas de ventilação, nos bancos e na chave do veículo fornecem pistas para o carácter elétrico no interior do EQB. O painel de instrumentos, com os seus ecrãs específicos de um modelo elétrico, apresenta o mesmo esquema de cores com destaques na cor ouro rosado e azul.

O EQB atinge um coeficiente aerodinâmico (Cd) muito bom de 0,28. A secção frontal A é de 2.53 m2. Entre as medidas aerodinâmicas mais importantes destacaram-se o sistema de controlo do ar de arrefecimento totalmente fechado na secção superior, os para-choques dianteiro e traseiro aerodinamicamente eficientes, uma secção inferior do chassis extremamente regular e praticamente fechada, as jantes Aero especialmente otimizadas e os guarda-lamas das rodas dianteiras e traseiras especificamente adaptados.

Prazer de condução eficiente e Navegação com Inteligência Elétrica

O Assistente ECO oferece um processo de recuperação otimizado para a situação particular. O sistema incorpora os dados da navegação, do reconhecimento dos sinais de trânsito e dos sensores do veículo para a sua estratégia de eficiência. Uma condução preditiva permite economizar energia e consequentemente prolongar a autonomia.

O Sistema de Navegação com Inteligência Elétrica de série também contribui para a fácil utilização do EQB durante o dia-a-dia. O sistema calcula o percurso mais rápido até ao destino, incluindo quaisquer paragens necessárias para carregamento. Com base em simulações contínuas da distância, o sistema considera quaisquer paragens para carregamento bem como vários outros fatores, como a topografia do percurso e a meteorologia. O sistema também pode reagir dinamicamente às mudanças, por exemplo, às mudanças das condições do trânsito ou do estilo de condução do condutor. Adicionalmente, o Sistema de Navegação com Inteligência Elétrica assegura o aquecimento da bateria de alta tensão até à temperatura de carregamento ideal antes de uma paragem planeada para carregamento, se necessário.

Na wallbox ou em postos de carregamento públicos, o EQB pode ser carregado comodamente com uma potência de até 11 kW com corrente alternada, utilizando o carregador de bordo. O tempo de carregamento necessário para carregar totalmente a bateria depende da infraestrutura disponível e do equipamento do veículo específico do mercado. O carregamento através de uma Mercedes-Benz Wallbox é significativamente mais rápido quando comparado com a utilização de uma tomada da instalação elétrica de uma residência.

Naturalmente, o processo de carregamento é ainda mais rápido em postos de carregamento de corrente contínua (DC). Em função do estado de carga e da temperatura da bateria de alta tensão, o EQB pode ser carregado num posto de carregamento com uma potência máxima de até 100 kW. A um nível de carga de 10%, o tempo de carregamento da bateria é então ligeiramente superior a 30 minutos para atingir os 80%. Para realizar carregamentos com corrente alternada ou corrente contínua, o EQB está equipado de série para a Europa e para os EUA com uma ficha CCS (Combined Charging Systems - Sistemas de Carregamento Combinados) no painel lateral direito. Na China é utilizada uma solução de carregamento com tomadas nos painéis laterais direito e esquerdo, e os tempos de carregamento poderão ser diferentes quando comparados com os da versão Europeia.

Com o Mercedes me Charge, os condutores do EQB poderão utilizar aquela que é considerada a maior rede de postos de carregamento do mundo: esta é constituída atualmente por mais de 500,000 postos de carregamento AC e DC em 31 países. O Mercedes me Charge permite que os clientes da Mercedes-EQ utilizem comodamente os postos de carregamento dos vários operadores e beneficiem de uma função integrada de pagamento com simples processos de faturação.

Através de certificados de origem de elevada qualidade, a Mercedes-Benz garante que a corrente de carregamento fornecida pelo Mercedes me Charge é obtida através de energia de fontes renováveis. Com o Mercedes me Charge, os clientes podem carregar em mais de 200,000 postos de carregamento públicos em toda a Europa, onde a Mercedes-Benz assegura a subsequente compensação através da eletricidade verde.

Apoio cooperativo ao condutor e um elevado nível de segurança contra colisão

O EQB está equipado com sistemas inteligentes de assistência à condução com apoio cooperativo ao condutor: O Assistente Ativo de Faixa de Rodagem e o Assistente Ativo de Travagem são equipados de série. Em muitas situações críticas, este último tem a capacidade de prevenir uma colisão ou reduzir a sua severidade com uma travagem autónoma. O sistema também poderá travar perante veículos parados ou pedestres a atravessar a estrada, a uma velocidade normal de condução em cidade. As funções aperfeiçoadas do Pack Driving Assistance incluem, por exemplo, a função de manobra de desvio, a função de corredor de emergência, a função de aviso de saída que alerta o condutor sobre ciclistas ou veículos em aproximação e ainda um aviso quando são detetados pedestres na proximidade de passadeiras.

O EQB também é um autêntico Mercedes no que diz respeito a segurança passiva. Com base na robusta carroçaria do GLB, a carroçaria do EQB foi adaptada aos requisitos especiais de um veículo elétrico. A bateria está instalada numa estrutura construída através de um processo de extrusão. Esta assume uma função estrutural que até agora era desempenhada pelas travessas na secção inferior do piso. Uma proteção da bateria na secção dianteira da mesma consegue evitar que a unidade de armazenamento da bateria seja perfurada por objetos estranhos.

Naturalmente, o EQB teve de ser sujeito ao extenso programa de testes de colisão da marca. Os exigentes requisitos relativamente à bateria e a todos os componentes portadores de corrente elétrica também se aplicam.

O EQB na rede de produção global

A produção do EQB será iniciada em 2021 em duas fábricas da rede global de produção da divisão Mercedes-Benz Cars: na fábrica de Kecskemét da Mercedes-Benz na Hungria para o mercado mundial e na fábrica Germano-Chinesa BBAC em Beijing para o mercado local. As preparações, incluindo os processos de formação do pessoal e os trabalhos de reconstrução, já começaram nas fábricas. O SUV compacto EQB será o primeiro modelo totalmente elétrico produzido em série da fábrica da Hungria e irá complementar o portfolio de modelos híbridos plug-in, que consiste nos modelos CLA e CLA Shooting Brake. O Classe A com cadeia cinemática híbrida plug-in também será produzido em Kecskemét no futuro, bem como na fábrica da Mercedes-Benz em Rastatt na Alemanha, onde o EQA é produzido.

Desde o início da produção em 2012, a importância da fábrica Húngara da Mercedes-Benz continuou a crescer no seio da rede global de produção da divisão Mercedes-Benz Cars. Além da comunicação em rede, os pontos fortes da rede de produção de modelos compactos incluem a troca direta com a principal fábrica de modelos compactos em Rastatt, Baden-Württemberg.

Os sistemas de bateria dos modelos compactos Mercedes-EQ produzidos na Europa são fornecidos pela subsidiária da Mercedes-Benz, a Accumotive em Kamenz bem como pela fábrica de baterias em Jawor na Polónia. Ambas as fábricas foram construídas para operarem como instalações neutras em emissões de CO₂ logo desde o princípio.