Preloading Soc. Com. C. Santos
Loading...

Notícias

Emoções e conhecimentos AMG postos à prova!

24/01/2021 19:45

Qualquer Mercedes-AMG desperta paixões! Por isso nada melhor que reunir dois “pesos-pesados” da marca e testar os conhecimentos dos seus admiradores. Consegue adivinhar de que Mercedes-AMG realmente se tratam?

Em tempo de confinamento, reunimos dois dos mais brilhantes alunos da “escola” AMG e usamos as redes sociais para comparar o protagonismo que gozam dentro da marca, num mero exercício lúdico e de distração.

 De um lado o colossal G 63, do outro o mais desportivo, mas com carácter ainda familiar, GLC Coupé 63 S 4MATIC+!

 Independentemente da preferência de cada um, dois automóveis de exceção que despertaram de imediato emoções fortes e levaram muitos admiradores da marca de Affalterbach a não resistirem ao desafio de os identificar, através de uma única foto e, posteriormente, decidirem por qual optariam.  

Tecnicamente, ambos recorrem ao motor biturbo V8 AMG de 4,0 litros, mas com ligeiras diferenças. Enquanto o SUV Coupé debita 375 kW (510 cv) e um binário máximo de 700 Nm, o Todo-o-Terreno apresenta 430 kW (585 cv) e um binário de 850 Nm! Os números dizem também que G 63 cumpre a tradicional aceleração dos 0-100 km/h em 4,5 segundos, alcançando uma velocidade máxima de 220 km/h, enquanto o GLC Coupé 63 S 4MATIC+ atinge os primeiros 100 km/h nuns ainda mais impressionantes 3,8 segundos, com o pico da sua velocidade a ser atingido aos 280 km/h!

 Perante tão válidos argumentos, de parte a parte, as opiniões só podiam ficar divididas, ficando como única certeza a de estarmos na presença de dois automóveis excecionais, que, em tempos de confinamento, ficam agora à espera de uma oportunidade para circular nos seus terrenos de eleição, sejam os estradões fora de estrada mais sinuosos ou os melhores tapetes de asfalto!

Afinal qual seria a sua opção? Nós não conseguimos escolher!


G 63 vs GLC Coupé 63 S 4MATIC+ (principais características)

• Potência máx.: 430 kW (585 cv) vs 375 kW (510 cv)

• Binário máx: 850 Nm vs 750 Nm

• Peso: 2460 kg vs 1930 kg

• Velocidade máx: 220 km/h vs 280 km/h

• Aceleração 0-100 km/h: 4,5 s vs 3,8 s

Soc. Com. C. Santos partilha conselhos de após-venda nas redes sociais

21/01/2021 16:03

A Sociedade Comercial C. Santos lançou uma iniciativa de conselhos de após-venda nas redes sociais. Batizada de SocAdvice, esta ação oferece curtos vídeos com dicas úteis para os condutores darem uma melhor utilização ao seu automóvel, aumentando a segurança e longevidade da viatura.

Os automóveis, como todos os bens que temos de necessidade de utilizar no nosso dia a dia, têm tanto melhor funcionamento quanto melhor é o seu uso e manutenção. Isso é sinónimo de maior tempo de vida útil, menos avarias, melhor desempenho ambiental e, mais importante de tudo, mais segurança rodoviária.

A Sociedade Comercial C. Santos adapta a sua comunicação à nova realidade, tendo em presente os quatro conceitos relacionados com a situação do momento: cuidado, comunicação, continuidade e comunidade.

O programa SocAdvice surge neste âmbito e propõe-se partilhar alguns conselhos úteis de após-venda nas redes sociais. Estas dicas serão publicadas mensalmente nas plataformas digitais (Blog - https://soccomcsantos.tumblr.com/, YouTube - https://www.youtube.com/user/soccomcsantos, Facebook - https://www.facebook.com/soccsantos, Instagram - https://www.instagram.com/sociedade_comercial_santos/ e Twitter - https://twitter.com/soccomcsantos) em que o concessionário Mercedes-Benz e smart tem presença.  

“Cuidar bem de um automóvel é essencial para que este tenha um ciclo de vida mais prolongado e com o mínimo de avarias possível. Para tal, importa, antes de mais, cumprir os planos de manutenção preconizados pela marca, mas também estar atento a outros sinais que o veículo nos dá de que pode ser necessário substituir ou reparar algum componente”, refere o diretor de após-venda da Sociedade Comercial C. Santos, Vítor Ferreira.  “Com estes simples conselhos em vídeo da iniciativa SocAdvice, pretendemos dar um contributo adicional a aumentar a longevidade e segurança das viaturas, sem esquecer o desempenho ambiental”, acrescenta.

Novos vídeos todos os meses

Com periodicidade mensal, os vídeos da SocAdvice são protagonizados por colaboradores do após-venda da Sociedade Comercial C. Santos. O primeiro vídeo já está online (pode ser visto aqui) e é dedicado às escovas limpa para-brisas, essenciais para a boa visibilidade durante a condução, que é, como é sabido, um dos fatores chave para a segurança rodoviária. Com chuva intensa, as escovas limpa para-brisas desempenham um papel essencial e devemos estar atentos a sinais de que este importante componente já não está a cumprir a sua função.

Estão já definidos vários outros temas para as próximas edições da iniciativa SocAdvice, os quais serão dados a conhecer em breve.

Novo EQA: compacto elétrico da Mercedes-EQ com mais de 400 km de autonomia!

20/01/2021 15:15

image

O Novo EQA é o mais recente membro da família de compactos da Mercedes-EQ. Com estreita relação ao GLA, passa a representar a entrada na gama de modelos totalmente elétricos da marca Mercedes-EQ, combinando eficiente cadeia cinemática, com luxo tecnológico e inteligência dos seus sistemas de assistência. Bem-vindo ao novo mundo do EQA, capaz de lhe oferecer mais de 400 km de autonomia…

Com data de chegada prevista a Portugal e à Sociedade Comercial C. Santos no próximo verão, o Novo EQA está pronto para revolucionar o segmento dos SUV compactos 100% elétricos. Com o seu design arrebatador, de aparência elétrica, claro indicativo do luxo progressivo da marca Mercedes-EQ, assistentes inteligentes que apoiam o condutor em vários domínios - como por exemplo, no que diz respeito à prevenção de acidentes, à estratégia de funcionamento preditiva e à navegação com função Electric Intelligence –, equipamentos tecnológicos de referência como o sistema ENERGIZING Comfort e a plataforma MBUX (Mercedes-Benz User Experience) da última geração e uma competente cadeia cinemática de propulsão elétrica, o EQA só pode ser um automóvel fascinante.

image

EQA 250, como versão de lançamento

A versão de lançamento do modelo é o EQA 250 com uma potência de 190 cv (140kW) e uma autonomia de até 426 quilómetros de acordo com o ciclo de teste WLTP. A bateria de iões de lítio de duplo deck, que se encontra instalada num elemento estrutural na secção inferior do chassis do veículo, tem uma capacidade de armazenamento de energia de 66.5 kWh. De modo a cumprir os exigentes padrões de qualidade de conforto no que diz respeito a ruído e vibração, características amplamente reconhecidas da marca, foram adotadas medidas complexas para isolar a cadeia cinemática do chassis e da carroçaria. Várias medidas de isolamento reforçam este efeito.

image

A aparência elétrica do design é um indicador do Luxo Progressivo

O EQA está equipado com a grelha do radiador “painel preto” com estrela central, que é uma referência da marca Mercedes-EQ. Outro elemento de design distintivo do mundo dos modelos elétricos da Mercedes-EQ é a contínua faixa de luz nas secções dianteira e traseira. Uma faixa horizontal de fibra ótica liga as luzes diurnas dos faróis full-LED, assegurando um elevado nível de perceção quer durante o dia, quer durante a noite. A qualidade, o detalhe e a precisão do acabamento do interior dos faróis é de elevada qualidade. Os destaques na cor azul nos faróis reforçam a aparência da assinatura Mercedes-EQ. Os farolins traseiros LED estão continuamente unidos através de uma faixa de luz LED, reforçando desta forma a impressão de largura da secção traseira do EQA. A placa de matrícula também foi deslocada para o para-choques. As jantes de liga leve de duas ou três cores são exclusivas neste modelo, estando disponíveis com dimensões de até 20 polegadas, em algumas versões com revestimento na cor ouro rosado ou azul.

image

Em função da linha de design e de equipamento, uma indicação do carácter elétrico no interior do EQA é o novo elemento de revestimento retroliluminado e o revestimento na cor ouro rosado nas saídas de ventilação, nos bancos e na chave do veículo. O modelo de edição especial Edition 1 inclui adicionalmente bancos em pele perfurada, através da qual pode ser observado um tecido azul. O painel de instrumentos, com os seus ecrãs específicos de um modelo elétrico, apresenta o mesmo esquema de cores com destaques na cor ouro rosado e azul.

image

A posição dos bancos é elevada e vertical, como é habitual num modelo SUV, e desta forma permite não só um maior conforto durante a entrada e a saída do modelo como também uma boa visibilidade geral para o exterior do veículo. A utilidade prática foi uma das características que mereceu maior destaque durante o desenvolvimento. O encosto do banco traseiro pode ser rebatido na proporção de 40:20:40.

image

A eficiência é um fator fundamental, desde a aerodinâmica até à navegação com função Electric Intelligence

Com um coeficiente aerodinâmico Cd de 0.28, o EQA atinge um excelente resultado. A secção frontal A é de 2.47 m2. Entre as medidas aerodinâmicas mais importantes destacam-se o sistema de controlo do ar de arrefecimento totalmente fechado na secção superior, os para-choques dianteiro e traseiro aerodinamicamente eficientes, uma secção inferior do chassis extremamente regular e praticamente fechada, as jantes Aero especialmente otimizadas e os guarda-lamas das rodas dianteiras e traseiras especificamente adaptados.

A bomba de calor equipada de série, está integrada no sofisticado sistema de gestão térmica. Com os seus inúmeros detalhes inovadores, como a reutilização do calor residual da cadeia cinemática elétrica, o sistema está configurado para uma excelente eficiência e para a máxima autonomia. É também possível programar o controlo da pré-climatização do interior do EQA antes do início de cada viagem. Esta função é controlada diretamente a partir do sistema de informação e de entretenimento MBUX ou através da Mercedes me App.

image

A contribuir para a facilidade geral de utilização do EQA no dia-a-dia está a navegação com função Electric Intelligence (um equipamento de série). O sistema calcula o percurso mais rápido até ao destino. Com base em simulações contínuas da distância, o sistema considera quaisquer paragens para carregamento bem como vários outros fatores, como a topografia do percurso e a meteorologia. O sistema também pode reagir dinamicamente às mudanças como, por exemplo, das condições do trânsito ou do estilo de condução do condutor.

Com o Mercedes me Charge, os clientes têm acesso à maior rede de postos de carregamento do mundo: esta é constituída atualmente por mais de 450,000 postos de carregamento AC e DC em 31 países. O Mercedes me Charge permite que os clientes da Mercedes-EQ utilizem comodamente os postos de carregamento dos vários operadores e beneficiem de uma função integrada de pagamento com simples processos de faturação. O Mercedes me charge está integrado na rede nacional MOBI.E.

image

Através de certificados de origem de elevada qualidade, a Mercedes-Benz garante que a corrente de carregamento fornecida pelo Mercedes me Charge é obtida através de energia de fontes renováveis. O Mercedes me Charge permite que os clientes carreguem os seus veículos em mais de 175,000 postos de carregamento públicos na Europa; a Mercedes-Benz assegura uma subsequente compensação com a energia de fontes renováveis.

Sistemas inteligentes de assistência à condução com apoio cooperativo do condutor, com excecional proteção contra colisões

De série estão incluídos o assistente ativo de faixa de rodagem e o Assistente ativo de travagem. Em várias situações, a finalidade deste último consiste em prevenir uma colisão através da travagem autónoma, ou em atenuar as consequências de uma colisão. O sistema também poderá travar perante veículos parados ou pedestres a atravessar a estrada, a uma velocidade normal de condução em cidade. As funções aperfeiçoadas do Pack de Assistência à Condução incluem, por exemplo, a função de manobra de desvio, a função de corredor de emergência, a função de aviso de saída que alerta o condutor sobre ciclistas ou veículos em aproximação e ainda um aviso quando são detetados pedestres na proximidade de passadeiras.

image

O EQA também é um autêntico Mercedes no que diz respeito a segurança passiva. Tendo por base a robusta estrutura do GLA, a carroçaria do EQA foi adaptada para cumprir os requisitos particulares de um modelo elétrico. A bateria está instalada numa estrutura construída através de um processo de extrusão. Esta assume uma função estrutural que até agora era desempenhada pelas travessas na secção inferior do piso. Uma proteção da bateria na secção dianteira da mesma consegue evitar que a unidade de armazenamento da bateria seja perfurada por objetos estranhos. Naturalmente, o EQA também teve de ser sujeito ao habitual e extenso programa de testes de colisão da marca. Os exigentes requisitos relativamente à bateria e a todos os componentes portadores de corrente elétrica também se aplicam.

image

Elevado nível de equipamento, painel de instrumentos com ecrãs específicos da marca Mercedes-EQ

O sistema de informação e de entretenimento de operação intuitiva MBUX (Mercedes-Benz User Experience) é um equipamento de série. O MBUX pode ser configurado individualmente com a ajuda de várias opções. O poderoso processador, os ecrãs e os gráficos brilhantes, a apresentação personalizável, o display head-up a cores (equipamento opcional), o sistema de navegação com realidade aumentada (equipamento opcional), o software de aprendizagem e o controlo por voz ativado com a instrução” Olá Mercedes” são os principais destaques do sistema.

image

Em Portugal, como equipamento de série adicional o EQA, conta com a versão Advanced. Esta verão inclui, os dois displays de grandes dimensões com 10.25” cada, o Pack Parking com câmara de marcha-atrás, o Pack espelhos e ainda o Assistente de angulo morto.

O mosaico Mercedes-EQ no display multimédia pode ser utilizado para aceder a menus relacionados com as opções de carregamento, consumo de energia elétrica e fluxo de energia elétrica. O display direito no painel de instrumentos integra um medidor de energia ao invés de um conta-rotações. A secção superior indica a percentagem de energia consumida, enquanto a secção inferior apresenta a energia recuperada. O display esquerdo pode ser utilizado para indicar se o modelo tem energia suficiente para chegar ao destino sem uma paragem intermédia para o carregamento da bateria. As cores variam em função da situação de condução: durante um processo de fornecimento de potência auxiliar, por exemplo, a cor do display muda para branco. Em função do estado anímico ou para corresponder ao interior, o utilizador pode escolher entre uma seleção de quatro diferentes estilos. A opção Progressive inclui um esquema de cores especial da Mercedes-EQ

image

A abrangente especificação de série do EQA inclui equipamentos como os faróis LED High Performance com Adaptive Highbeam Assist, a porta do compartimento de bagagens EASY-PACK com abertura e fecho operados eletricamente, jantes de liga leve de 18 polegadas, iluminação ambiente com 64 cores, um suporte para duas bebidas, bancos desportivos com regulação do apoio lombar de quatro vias, uma câmara de marcha-atrás para uma maior comodidade e uma melhor visibilidade durante as manobras, e ainda um volante multifunções revestido em pele. O novo modelo pode ser personalizado com duas linhas de design e de equipamento, designadamente a Electric Art e a AMG Line, bem como com o pack Night.

image

Gancho de reboque com desbloqueio rápido e fácil

Como equipamento opcional para o EQA, está disponível um gancho de reboque com função ESP® estabilização do reboque. Uma funcionalidade particularmente cómoda é o sistema de desbloqueio elétrico do gancho de reboque. O interruptor de desbloqueio e a luz indicadora estão localizados na porta do compartimento de bagagens. Logo após o desbloqueio do gancho de reboque, este pode ser articulado para fora ou, quando não estiver a ser utilizado, pode ser articulado e ocultado atrás do revestimento do para-choques. A capacidade de reboque (reboque sem travões / com travões) do EQA 250 é de 750 kg, enquanto o peso admissível exercido pela barra do reboque é de 80 kg. O gancho de reboque está aprovado para ser utilizado com um suporte de bicicletas. Os modelos de tração integral irão oferecer uma capacidade de reboque ainda superior.

image

Produzido na Alemanha e na China

O novo EQA é fabricado em Rastatt (Alemanha) e em Beijing (China). Os sistemas de bateria do EQA são fornecidos pela Accumotive sedeada na localidade de Kamenz, uma subsidiária da Mercedes-Benz. A fábrica de baterias em Jawor na Polónia também está a preparar-se para produzir sistemas de bateria para os modelos compactos da Mercedes-EQ.

image

Dados Técnicos [1]

EQA 250

Transmissão                                                                  Dianteira

Motor elétrico no eixo dianteiro (modelo)                        Motor assíncrono

Potência máxima (Cv/kW)                                             190/140

Binário máximo (Nm)                                                    375

Aceleração 0-100 km/h (s)                                             8,9

Velocidade máxima[2] (km/h)                                         160

Capacidade útil da bateria (kWh)                                   66,5

Consumo elétrico em ciclo combinado WLTP[3] (kWh/100 km)             19,1-17,7

Tempo de carregamento[4] na wallbox ou

postos de carreg. públicos (AC) (h)                                                         5:45

Tempo de carregamento[5] num posto de carreg. rápido (DC) (min)            30


[1] Os dados do ciclo WLTP para os modelos indicados aplicam-se ao mercado Alemão e podem ser consultados nas páginas de internet da Mercedes-Benz nos mercados relevantes.

[2] Limitada eletronicamente

[3] Método da medição WLTP. O consumo de energia elétrica e a autonomia dependem da configuração do veículo. A informação adicional sobre os valores oficiais do consumo de combustível e das emissões específicas de CO2 dos novos veículos ligeiros de passageiros poderá ser consultada no “Guia de consumo de combustível, emissões de CO2 e consumo de energia elétrica de novos veículos ligeiros de passageiros”, que está disponível gratuitamente em todos os pontos de venda e a partir da Deutsche Automobil Treuhand GmbH no endereço www.dat.de.

[4] Os tempos de carregamento indicados correspondem a um processo de carregamento desde um nível de carga de 10 até 100 %, numa wallbox ou num posto de carregamento público (corrente AC com uma potência de pelo menos 11 kW, com intensidade de corrente de 16 A por fase)

[5] Os tempos de carregamento indicados correspondem a um processo de carregamento desde um nível de carga de 10 até 80 %, num posto de carregamento rápido de corrente DC com uma tensão de rede de 400 V e uma intensidade de corrente de pelo menos 300 A.

MBUX Hyperscreen: visivelmente impressionante, decisivamente fácil de operar e extremamente interessado em aprender!

17/01/2021 20:05

image

Sabia que o novo MBUX Hyperscreen lhe pode fazer sugestões personalizadas de contactos, propor-lhe determinado tipo de massagem ou elevar a altura ao solo do seu Mercedes automaticamente para entrar na garagem, entre tantas outras funções de informação e entretenimento, conforto e condução do veículo? Bem-vindo à nova era da inteligência emocional do automóvel, de que o novo EQS será precursor…

Imagine que do seu futuro EQS (o modelo em que se estreará o novo MBUX Hyperscreen), tem como ritual ligar a determinado amigo ou familiar, durante o seu trajeto até casa às terça-feiras, à noite. Se o sistema MBUX Hyperscreen detetar esse procedimento como regular, vai sugerir-lhe que faça a chamada telefónica nesse dia da semana, naquele período do dia, apresentando-lhe, neste caso, o cartão de visita com a sua informação de contacto e a respetiva imagem (se armazenada). E como todas as sugestões do MBUX estão associadas ao perfil do utilizador, se mais alguém conduzir o EQS numa terça-feira à noite, esta recomendação não é fornecida.

Impressionado? Não fique já! No mundo da plataforma MBUX Hyperscreen, os exemplos que põe à prova a Inteligência Artificial (IA) do sistema multiplicam-se. Por exemplo, se o condutor do EQS utilizar regularmente a função de massagem de acordo com o princípio de pedra quente durante o inverno, o sistema aprende e sugere automaticamente a função de conforto se o ar estiver a uma temperatura de inverno.

image

E se o utilizador ligar regularmente o aquecimento do volante e de outras superfícies após ter ligado o aquecimento do banco? Sabe o que acontece? Claro, já está a adivinhar… a repetição dessa operação ser-lhe-á sugerida logo após o botão de aquecimento do banco ter sido pressionado.

Se está a pensar que o MBUX Hyperscreen tem como única função facilitar a vida do utilizador e passageiros, fique a saber que o sistema também cuida, de forma inteligente, do próprio automóvel. Um exemplo? Sabendo que o chassis do EQS pode ser elevado para aumentar a distância ao solo (numa função útil nas entradas de garagens com elevada inclinação), o sistema relembra a posição geográfica na qual o utilizador utilizou a função “Vehicle Lift-Up” e quando o modelo se aproximar novamente da posição geográfica em questão, o MBUX sugere automaticamente a elevação do EQS.

Quatro exemplos que dão uma ideia da infinidade de funções suportadas pelo sistema MBUX Hyperscreen, que fica, desta forma, muito longe de impressionar apenas pela forma e conteúdos, elevando para outra dimensão a Inteligência artificial ao serviço do automóvel.

image

Como funciona o Hyperscreen

Os sistemas de informação e de entretenimento oferecem inúmeras funções completas, com várias etapas de operação para as controlar. Para reduzir ainda mais estas etapas de interação, a Mercedes-Benz desenvolveu um interface do utilizador com perceção em função do contexto com o auxílio da inteligência artificial.

O sistema MBUX apresenta proativamente ao utilizador as funções certas no momento certo, apoiadas pela inteligência artificial. A perceção em função do contexto é constantemente otimizada pelas alterações na zona circundante pelo comportamento do utilizador. A designada camada zero fornece ao utilizador no nível superior da arquitetura de informação do MBUX, conteúdo dinâmico e agregado a partir de todo o sistema MBUX e dos serviços relacionados.

A Mercedes-Benz investigou o comportamento de utilização da primeira geração do MBUX. A maioria dos casos de utilização recai no sistema de navegação, rádio/sistema multimédia e sistema de telefone.

image

Mais de 20 funções adicionais – desde o programa de massagem ativa, a função de lembrete do dia de aniversário, até à sugestão da lista de atividades – são automaticamente fornecidas com o auxílio da inteligência artificial quando são relevantes para o cliente. “Módulos Mágicos” é o nome interno que os criadores deram a estes módulos de sugestão, que são apresentados na camada zero.

Evolução natural mas significativa do atual sistema MBUX

O MBUX (Mercedes-Benz User Experience) simplificou radicalmente as operações de controlo de um Mercedes-Benz. Revelado em 2018 no atual Classe A, circulam atualmente nas estradas em todo o mundo mais de 1.8 milhões de modelos ligeiros de passageiros Mercedes-Benz equipados com o sistema. A divisão de veículos comerciais ligeiros também conta com o contributo do MBUX. Há alguns meses, a segunda geração deste sistema com capacidade de aprendizagem foi lançada no novo Classe S. Segue-se agora o próximo grande passo na forma do novo EQS e no MBUX Hyperscreen, disponível como opção.

image

Aparência eletrificante com visualização emocional

O MBUX Hyperscreen é um exemplo da combinação do design digital com o analógico: vários ecrãs aparentam combinar continuamente, resultando numa impressionante tela de ecrã curvilínea. As saídas do ar de ventilação estão integradas nesta grande superfície digital para ligar o mundo digital ao físico.

O MBUX Hyperscreen é circundado por uma moldura dianteira contínua em plástico. A sua parte visível é pintada num processo elaborado de três camadas em “Silver Shadow”. Este sistema de revestimento transmite a impressão de uma superfície de qualidade particularmente elevada devido às camadas intermédias extremamente finas. A iluminação ambiente integrada e instalada na secção inferior do MBUX Hyperscreen, faz com que o ecrã aparente flutuar no painel de instrumentos.

image

O passageiro dianteiro também tem a sua própria área de ecrã e de controlo, que torna as viagens mais agradáveis e entretidas. Com até sete perfis, é possível personalizar o conteúdo. Contudo, as funções de entretenimento do ecrã do passageiro só estão disponíveis durante o deslocamento do veículo se a legislação específica do país em questão o permitir. Se o banco do passageiro não estiver ocupado, o ecrã torna-se uma peça digital decorativa. Neste caso, são apresentadas estrelas animadas, ou seja, o Padrão Mercedes-Benz.

image

Para fornecer uma imagem particularmente brilhante é utilizada tecnologia OLED nos ecrãs central e do passageiro dianteiro. É aqui que os pontos individuais da imagem são Auto luminosos – os pixéis não controlados da imagem permanecem desligados, o que significa que surgem com a cor preto (completa ausência de luz). Por outro lado, os pixéis ativos OLED, emitem uma cor de alto brilho, resultando num elevado contraste, independentemente do ângulo de visão e das condições de iluminação.

Esta aparência de imagem eletrificante é acompanhada por uma visualização emocionalmente apelativa. Todos os gráficos são estilizados num novo esquema de cores de azul/laranja.

image

Graças ao seu claro design, o MBUX Hyperscreen é intuitivo e fácil de operar. Um exemplo desta característica é o estilo de indicação do modo EV. As funções importantes da cadeia cinemática elétrica, como a potência suplementar ou a recuperação de energia, são indicadas numa nova forma, com um grampo móvel, sendo desta forma mais tangíveis. Um objeto em forma de lente move-se entre estes grampos. Segue a lei da gravidade e desta forma representa a força G de forma impressionante e emocional.

Factos e Números do MBUX Hyperscreen

Com o MBUX Hyperscreen, vários ecrãs aparentam unir-se continuamente, resultando numa impressionante tela larga e curvilínea de 141 centímetros. A área que os passageiros poderão usufruir é de 2,432.11 cm2.

  • O vidro de grandes dimensões que protege o ecrã é moldado tridimensionalmente durante o processo de moldagem a uma temperatura de aproximadamente 650°C. Este processo permite uma visualização sem distorção do ecrã em toda a largura do veículo, independentemente do seu raio.
  • Para obter as aplicações mais importantes, o utilizador só necessita de percorrer os níveis do menu inicial. É por essa razão que a Mercedes-Benz designa este conceito por camada zero.
  • Existem um total de 12 atuadores por baixo do ecrã tátil para uma resposta tátil durante as operações de comando. Se um dedo tocar em certos pontos no ecrã, os atuadores acionam uma vibração percetível na tela de proteção.
image
  • Dois revestimentos da tela de proteção reduzem as reflexões e tornam a limpeza mais fácil. O próprio vidro curvilíneo é constituído por silicato de alumínio particularmente resistente a riscos.
  • As medidas de segurança incluem pontos de fratura pré-determinados ao longo das aberturas das tomadas laterais bem como dos cinco suportes que podem fraturar de forma programada na eventualidade de uma colisão, graças às suas estruturas alveolares.
  • 8 unidades de processamento central, 24 Gb de memória RAM e 46.4 Gb/s de largura de banda da memória RAM são algumas das especificações técnicas do MBUX.
  • Com a medição de dados de uma câmara multifunções e também de um sensor de luminosidade, o brilho do ecrã é adaptado à luminosidade natural. 
  • Com até sete perfis, a secção do ecrã pode ser personalizada para o passageiro dianteiro

Mercedes-Benz é líder de xEV entre as marcas premium em Portugal em linha com crescimento das vendas globais

12/01/2021 11:45

image

Num ano atípico devido à pandemia, em 2020, a Mercedes-Benz foi a marca automóvel premium mais vendida em Portugal (13.752 unidades) e líder total nas vendas de veículos xEV (3.579 unidades). Globalmente, a Mercedes-Cars comercializou mais de 160.000 híbridos plug-in e veículos totalmente elétricos (xEVs), com a Marca da estrela a aumentar a sua quota de 2% (2019) para 7,4%.  

A Mercedes-Benz está a acelerar a sua jornada rumo à neutralidade de CO2 e as vendas da marca da estrela no mercado português também estão a contribuir para essa nova realidade. Em 2020, os veículos xEV da Mercedes-Benz (sob a sigla EQ), alcançaram a liderança em Portugal neste importante segmento, com 3.579 unidades comercializadas.

image

O modelo 100% elétrico EQC, comercializado nos finais de 2019, destacou-se igualmente com 225 unidades vendidas, o que correspondeu à quota total de produção disponível para Portugal. Atualmente, os modelos Mercedes-Benz EQ já representam 26% do total das vendas da Mercedes-Benz em Portugal, um crescimento substancial da marca EQ e que reflete a estratégia definida de redução de emissões de CO2 e a consolidação da liderança da marca Mercedes-Benz no caminho para a neutralidade carbónica.

image

Holger Marquardt, CEO da Mercedes-Benz em Portugal, afirma: “para o nosso mercado português é com imenso orgulho que alcançámos a liderança na eletrificação (xEV). É com base no compromisso da Daimler para 2039, denominada Ambition 2039, que oferecemos em 2020 diferentes produtos xEV e conquistámos a liderança de mercado com um total 25 modelos diferentes. Para 2021, vamos estender o nosso portfólio de produtos com veículos totalmente elétricos e também uma maior oferta de PHEV”.

Acentuado aumento de vendas xEV em todo o mundo

Em 2020 e a nível global, foi feito um progresso significativo no número de entregas xEV, que aumentaram consideravelmente: mais de 160.000 híbridos plug-in e veículos totalmente elétricos foram vendidos pela Mercedes-Benz Cars em todo o mundo (+ 228,8%), incluindo cerca de 87.000 unidades no quarto trimestre.

image

Na Mercedes-Benz Cars, a quota de xEV aumentou de 2% em 2019 para 7,4% no ano passado. As vendas de híbridos plug-in quase quadruplicaram para mais de 115.000 unidades. Aproximadamente 20.000 EQC foram entregues a clientes em todo o mundo e o EQV atingiu vendas de cerca de 1.700 veículos. As entregas dos modelos totalmente elétricos totalizaram aproximadamente 27.000 unidades, um forte aumento de dois dígitos (+ 45,6%) em comparação com o recorde de vendas anterior em 2019 (18.400 unidades).

image

2021 representa, acima de tudo, a aceleração da eletrificação na Mercedes-Benz Cars. Um total de quatro novos modelos Mercedes-EQ serão apresentados: o EQA, EQB, EQE e EQS. A família de híbridos plug-in da Mercedes-Benz, atualmente consistindo em mais de 20 variantes de modelo, será renovada com derivados eletrificados do Classe C e Classe S. Para 2021, a Mercedes-Benz Cars espera aumentar a quota de xEV para aproximadamente 13%.

image

Mercedes-Benz atinge forte desempenho de vendas de automóveis ligeiros de passageiros num ano desafiante

Apesar dos grandes desafios impostos pela pandemia da COVID-19, a Mercedes-Benz entregou mais de dois milhões de veículos pelo 5º ano consecutivo. Por meio da digitalização avançada em vendas e serviços, a Mercedes-Benz foi capaz de responder à situação em rápida mudança e aos vários requisitos regulamentares durante a pandemia. Com vendas de 2.164.187 unidades (-7,5%), a Mercedes-Benz manteve a sua posição de liderança global em comparação com os seus principais concorrentes.

image

Vendas de automóveis de passageiros Mercedes-Benz por regiões e mercados

A Mercedes-Benz beneficiou da recuperação contínua em muitos mercados na segunda metade do ano. Um total de 1.024.315 unidades foram vendidas na região Ásia-Pacífico (+ 4,7%). O principal impulsionador de vendas foi a China, com uma recuperação sem precedentes: devido a um crescimento de dois dígitos de 11,7%, foi alcançado um novo recorde de vendas com 774.382 unidades. Na região da Europa, a marca entregou 784.183 automóveis de passageiros no ano passado (-16,4%), sendo que na Alemanha, a Mercedes-Benz vendeu um total de 286.108 automóveis (+10,1%). As vendas na região da América do Norte totalizaram 317.592 unidades (-14,7%). A Mercedes-Benz entregou 274.916 automóveis nos EUA no ano passado (-13,0%). No geral, os maiores mercados para a Mercedes-Benz foram a China, Alemanha e EUA, seguidos pela Grã-Bretanha e Coreia do Sul. Em Portugal, a Mercedes-Benz foi a 3ª marca automóvel mais vendida, com 13.752 unidades comercializadas.

image

Vendas de automóveis Mercedes-Benz

No ano passado, o Classe S foi novamente a limousine de luxo mais vendido em todo o mundo, com cerca de 60.000 unidades (-17,2%). O nova Classe S, apresentado pela Mercedes-Benz em setembro, teve uma resposta muito positiva por parte dos clientes: mais de 40.000 pedidos foram recebidos em todo o mundo, já excedendo a entrada de pedidos após o início das vendas do seu antecessor. Um total de aproximadamente 691.000 automóveis compactos (Classe A, Classe A Limousine, Classe B, CLA Coupé, CLA Shooting Brake, GLA e GLB) foram entregues em todo o mundo (+ 3,6%). As vendas de SUVs (GLA, GLB, GLC, GLC Coupé, EQC, GLE, GLE Coupé, GLS e Classe G) foram de cerca de 885.000 veículos (+ 12,9%). Em particular, o GLE (+ 32,3%) e o GLS (+ 21,1%) tiveram uma elevada procura em 2020. O modelo mais vendido da Mercedes-Benz foi o GLC com aproximadamente 320.000 unidades.

image

A marca desportiva e de alto desempenho Mercedes-AMG vendeu 125.129 veículos em todo o mundo (-5,3%). Registou-se um novo recorde de vendas e crescimento de 1,5% nos EUA, o maior mercado da marca. Além disso, um novo recorde também foi alcançado no importante mercado em crescimento da China (+ 32,3%). Os EUA, Alemanha, China, Japão e Austrália foram os maiores mercados da AMG em 2020.

image

A smart comercializou um total de 38.391 veículos (-67,1%), sendo o maior mercado para smart a Alemanha. A forte procura por modelos totalmente elétricos foi significativamente impulsionada pelo subsídio do governo alemão, que levou ao dobro das entregas de smart elétricos (+104,9%).

image

Em 2020, a smart tornou-se a primeira marca 100% elétrica a nível mundial. Neste ano de transição e, tal como previsto, a smart sofreu uma quebra face a 2019 quando comparando com as vendas de viaturas a combustão. Não obstante, conseguiu comercializar 518 unidades totalmente elétricas em Portugal, um aumento de vendas de 27,3% face a 2019.

Soc. Com. C. Santos assinala 75 anos de olhos postos no futuro

11/01/2021 12:51

A Sociedade Comercial C. Santos assinala hoje o 75º aniversário. O histórico concessionário Mercedes-Benz e smart chega a esta data marcante com olhos no futuro, dado que inaugurará em 2021 a ampliação das instalações da sua sede.

A história da Sociedade Comercial C. Santos tem sido pautada pelo sucesso. Trata-se de um dos maiores e mais históricos concessionários Mercedes-Benz e smart em Portugal. “Temos a felicidade de ter um percurso longo e bem-sucedido, fruto de estarmos acompanhados por uma marca sempre na vanguarda do desenvolvimento e do serviço ao cliente e, em igual escala, do trabalho desenvolvido desde 1946 pelas nossas equipas de profissionais”, afirma Pinho da Costa, administrador-delegado da Sociedade Comercial C. Santos.

De facto, a força da empresa vem, além dos produtos que comercializa e aos quais presta assistência, das mais de 350 pessoas que a integram. “A nossa empresa tem tido a sorte, ao longo dos tempos, de ter uma família unida, que a faz crescer e que se sente realizada com o que faz”, acrescenta a mesma fonte.

Ao longo de 75 anos de existência, a empresa não poderia, naturalmente, estar à margem de situações menos positivas que afetaram a economia portuguesa e, em particular, o setor automóvel. A força da união dos profissionais que compõem a Sociedade Comercial C. Santos foi sempre, de acordo com Pinho da Costa, chave para o sucesso. “A empresa tem sabido, de forma unida, dar uma pronta e eficaz resposta a tudo com o que se tem defrontado. Aliás, foi precisamente nessas alturas que sempre mostramos com maior evidência a nossa força: unimo-nos, diversificámos, procurámos outras oportunidades, enveredámos por novos desafios. Vencemos e crescemos”.

O 75º aniversário da Sociedade Comercial C. Santos, que fechou o ano que passou com mais de 3600 veículos vendidos (novos e usados) e perto de 130 milhões de euros de volume de negócios, será assinalado por várias iniciativas ao longo de 2021. Estas serão dadas a conhecer ao longo dos próximos meses, com uma conferência digital a estar entre as ações previstas.

Logo no dia do aniversário, além de outras ações junto de colaboradores e clientes, a Sociedade Comercial C. Santos irá oferecer Racing Experiences Platinium no Autódromo Internacional do Algarve aos clientes que contratualizarem automóveis no dia 11, até um limite de 75 experiências (http://bit.ly/3hTLUh4).

Inauguração de instalações no terceiro trimestre

A Sociedade Comercial C. Santos a 11 de janeiro de 1946, no Porto, iniciou a atividade tendo como sócios, entre outros, a C. Santos Limitada, detentora da representação Mercedes-Benz. A sede social da Sociedade Comercial C. Santos situava-se, então, na rua de Santa Catarina, e aí permaneceu durante 42 anos, até 1988. Nesse ano, a sede social é transferida para as instalações da Maia, que haviam sido inauguradas em 1982. No presente, além das instalações-sede junto ao Aeroporto Sá Carneiro, a empresa tem showrooms na Boavista (stand emblemático da cidade do Porto, projetado pelo arquiteto Pádua Ramos) e em Felgueiras.

Nas instalações da Maia, com mais de 62 mil m2, a Sociedade Comercial C. Santos integra a atividade de comercialização e reparação de viaturas de veículos ligeiros de passageiros, ligeiros de mercadorias e pesados de passageiros e de mercadorias. Conta, além disso, com a venda de peças e lubrificantes, bem como com a Rent a Star (rent-a-car).

Embora tenha 75 anos de existência, a empresa está, como sempre esteve, virada para o futuro. A prova disso é o investimento em curso na ampliação das instalações sede. Além do alargamento de áreas de serviço e administrativas, o alargamento prevê que o espaço de showroom passe dos atuais 741 m2 para quase 3000 m2. O novo stand veículos ligeiros de passageiros da Sociedade Comercial C. Santos, que cumprirá os mais recentes dealer standards da Mercedes-Benz, tem inauguração prevista para o terceiro trimestre de 2021.

Referência nacional, segundo a Mercedes-Benz Portugal

A relação da empresa com a marca foi sempre pautada pela excelência, sendo uma parceria de passado e presente, com um futuro promissor. “Com 75 anos de história em Portugal, a Sociedade Comercial C. Santos sempre representou ao mais alto nível a marca Mercedes-Benz, sendo considerada uma referência nacional, na excelência dos seus serviços e produtos, através de uma equipa altamente especializada e dedicada a representar o lema máximo da Marca – The Best or Nothing”, indica fonte da Mercedes-Benz Portugal.

Soc. Com. C. Santos em números

· 75 anos de história

· + 350 colaboradores

· 130 milhões de euros de volume de negócios/ano

· + 3600 viaturas (novas e usadas) vendidas/ano

· + 100 viaturas alugadas/dia (Rent a Star)

· + 140 viaturas/dia nas oficinas

· + 100 mil peças em stock (maior armazém de peças originais Mercedes-Benz em Portugal)

Algumas datas marcantes da Soc. Com. C. Santos

· 1946 – A Sociedade Comercial C. Santos inicia, a 11 de janeiro, sua história, no mesmo ano em que a Mercedes-Benz começa a ser representada em Portugal (apenas com veículos ligeiros de passageiros). Com sede social na rua de Santa Catarina, a Sociedade Comercial C. Santos tina entre os sócios iniciais a C. Santos Limitada, detentora da representação Mercedes-Benz. Posteriormente, a Sociedade Comercial C. Santos passou a fazer parte da holding Eminco, que integraria empresas das áreas de comercialização de viaturas (Mercedes-Benz), aluguer de viaturas (Avis Rent-A-Car) e venda de peças e lubrificantes (Castrol). Em 1986 viria a ser adquirida a totalidade do capital social à Eminco.

· 1958 – Inauguração das oficinas principais na Via Rápida (antes, e durante quatro anos, as oficinas situaram-se na rua de Santos Pousada), onde se mantiveram até 1984.

· 1982 – São inauguradas as instalações da Maia, local onde a Sociedade Comercial C. Santos permanece até hoje, ocupando, atualmente, uma área de cerca de 55 mil m2.

· 1988 – A sede social da Sociedade Comercial C. Santos é transferida de Santa Catarina para a Maia. Era, de resto, nas imediações do Aeroporto que já há dois anos se concentravam os escritórios centrais, a área de vendas de automóveis, comerciais ligeiros e pesados, o departamento de peças e a assistência técnica a viaturas turismo, comerciais ligeiros e pesados.

· 1990 – Inauguração do salão de exposição na Avenida da Boavista. Com projeto da autoria do arquiteto Pádua Ramos, este stand emblemático da cidade do Porto apresenta-se como um cartão de visita da empresa.

 · 2000 – Inauguração do salão de exposição de Felgueiras.

 · 2002 – As instalações da Maia são ampliadas com a inauguração do salão de exposição de comerciais e a nova oficina de comerciais pesados.

 · 2003 – Início de funcionamento como oficina autorizada da Evobus.

· 2007 – A empresa é alvo de um processo de cisão-fusão, passando a integrar instalações na Maia, Boavista e Felgueiras.

· 2009 – A Sociedade Comercial C. Santos reinicia o negócio smart (vendas, assistência e peças nas instalações da Maia e Boavista).

· 2010 – A empresa alarga a sua área de atuação ao negócio de rent-a-car, disponibilizando uma frota exclusiva Mercedes-Benz e smart.

· 2013 – Ano de forte crescimento de atividade, mas também de início de um processo de renovação e aumento de instalações (passando para os atuais mais de 62 mil m2 de área).

· 2016 – É criado o cartão Sociedade Comercial C. Santos, um cartão de crédito com vantagens nos serviços disponíveis na empresa.

· 2017 – A SCCStar, Rent a Star, passa a ser uma empresa autónoma de aluguer de viaturas.

· 2018 – Arranque da construção do novo stand de exposição, com conclusão prevista para o fim do verão de 2020.  

· 2019 – A empresa altera, em fevereiro, a sua natureza jurídica de sociedade por quotas (Lda.) para sociedade anónima (SA), passando a designar-se Sociedade Comercial C. Santos, SA.

Soc. Com. C. Santos faz 75 anos e oferece 75 experiências de condução AMG

08/01/2021 10:19

image

75 anos da Sociedade Comercial C. Santos, 75 Racing Experiences no Autódromo Internacional do Algarve (AIA). É este o mote da oferta que o histórico concessionário Mercedes-Benz e smart vai realizar na próxima segunda-feira (dia 11), dia em que assinala o aniversário.

O aniversário da Sociedade Comercial C. Santos será assinalado com várias ações ao longo de 2021, mas logo no dia em que cumpre o 75º aniversário, além de outras ações junto de colaboradores e clientes, a empresa oferecerá Racing Experiences Platinium no AIA aos clientes que contratualizarem automóveis no dia 11 (até um limite de 75 experiências).

A oferta é válida para todos os veículos novos e usados (ligeiros de passageiros, comerciais ligeiros e comerciais pesados), ao longo de todo o dia nas instalações da Sociedade Comercial C. Santos na Maia (aeroporto do Porto), Boavista e Felgueiras.

Condução de quatro Mercedes-AMG no Autódromo do Algarve

O aniversário é da Sociedade Comercial C. Santos, mas o presente é para os clientes, que têm a oportunidade de conduzir um Mercedes-AMG num dos palcos onde a equipa de Fórmula 1 Mercedes-AMG Petronas – com o sete vezes campeão mundial Lewis Hamilton à cabeça – ficou em primeiro lugar.

image

A Racing Experience integra cinco experiências de condução a bordo de quatro automóveis AMG. A experiência 1 é a Dynamic Control, um exercício que permite ao participante desenvolver os reflexos, ganhar agilidade e domínio sobre a viatura. A decorrer no paddock do circuito, é feita aos comandos de Mercedes-Benz A35 AMG.

A experiência 2 é a Drift Control e tem o objetivo de ensinar a ganhar o domínio da viatura em derrapagem. Decorre no Drift Pad e o modelo é um Mercedes-Benz C63 AMG.

image

A experiência 3 é a Teste do Alce, para melhorar a capacidade de controlar a viatura, simulando um desvio de emergência a um obstáculo, em várias velocidades. Decorre no Paddock aos comandos de um Mercedes-Benz A35 AMG.

As duas últimas experiências decorrem no circuito. A primeira consiste no contacto com a pista, a bordo de um Mercedes-Benz C63 AMG, com uma volta de reconhecimento ao lado de um instrutor, seguido de duas voltas com supervisão. O melhor fica reservado para o fim, com a segunda experiência Iniciação em Pista a permitir a realização de cinco voltas no AIA aos comandos de um icónico AMG GT C.

Mercedes-Benz é a marca premium mais vendida em 2020

06/01/2021 18:09

Em 2020, a Mercedes-Benz foi a marca premium mais vendida em Portugal, sendo a 3ª marca mais comercializada em Portugal, ao alcançar uma assinalável quota de mercado de 9,5%. Foi também a marca número 1 eleita pelos portugueses no índice de confiança (Marketest - Reputation Index), num ano em que o Classe A foi o Mercedes-Benz mais vendido em Portugal e os PHEV Mercedes-Benz (veículos híbridos plug-in) registaram um crescimento de… 201%!

2020 foi um ano que ficou marcado pela pandemia mundial da Covid-19. Apesar deste cenário, a Mercedes-Benz comercializou 13.752 automóveis no ano passado, registando um previsível decréscimo de 17% face a 2019, ano recorde de vendas da marca em Portugal, mesmo assim menor do que a quebra do mercado total (-35%). Foi igualmente alcançada uma assinalável quota de mercado de 9,5%, uma das maiores a nível mundial. Em Portugal, a Mercedes-Benz foi, em 2020, a 3ª marca mais comercializada em Portugal.

Entre os modelos Mercedes-Benz mais procurados a nível nacional destaque para o Classe A, cuja estreia da 4ª geração decorreu em maio de 2018, com 5.979 unidades comercializadas. O segmento compacto da Mercedes-Benz, este ano com o novo modelo GLB incluído, vendeu 8.710 unidades em 2020. Destaque ainda para o Classe C Station que foi o 2º modelo mais comercializado com 989 unidades comercializadas.

A família Classe E apresentou também excelentes resultados, com um volume de vendas nesta gama (que inclui CLS e GLE) que atingiu as 2.289 unidades, o que corresponde a um aumento de aproximadamente 17% face a 2019.

Elétricos e Híbridos Plug-in com notável crescimento

Em 2020, os veículos PHEV da Mercedes-Benz (sob a sigla EQ Power) tiveram grande relevância nas vendas da Marca com um crescimento de 201% face a 2019 (3.354 unidades vendidas), alcançado a liderança em Portugal neste importante segmento. O modelo 100% elétrico EQC, comercializado nos finais de 2019, destaca-se igualmente com 225 unidades vendidas, o que correspondeu à quota total de produção disponível para Portugal. Atualmente, os modelos Mercedes-Benz EQ já representam 26% do total das vendas da Mercedes-Benz em Portugal, um crescimento substancial da marca EQ e que reflete a estratégia definida de redução de emissões de CO2 e a consolidação da liderança da marca Mercedes-Benz no caminho para a neutralidade carbónica.

A Mercedes-AMG continuou a sua forte ofensiva em 2020, com um total de 281 modelos comercializados, com especial destaque para o Mercedes-AMG GT 4 portas, com 70 unidades vendidas no ano passado.

Em 2020, a smart tornou-se a primeira marca 100% elétrica a nível mundial. No ano de transição e, tal como previsto, a smart sofreu uma quebra face a 2019 quando comparando com as vendas de viaturas a combustão. Não obstante, conseguiu comercializar 518 unidades totalmente elétricas em Portugal, um aumento de vendas de 27,3% face a 2019.

De resto, o crescimento da smart foi superior ao do mercado elétrico (mercado BEV: 14% / smart: 27%), sendo smart fortwo o 6º modelo elétrico mais vendido e o primeiro essencialmente citadino, mostrando claramente a sua vocação para a mobilidade sustentável nas cidades do futuro.

Em conjunto, smart e Mercedes-Benz terminaram o ano de 2020 com 14.270 unidades vendidas em solo português.

Rede global de produção de baterias: um fator-chave para o sucesso da ofensiva elétrica da Mercedes-Benz

04/01/2021 16:21

As baterias dos veículos elétricos Mercedes-EQ são fornecidas por uma rede global de produção de baterias em três continentes. A produção local de baterias é um fator-chave para o sucesso da ofensiva elétrica da Mercedes-Benz, a caminho da mobilidade e produção neutra em emissões de CO₂ em 2039. Descubra onde vai ser produzida a bateria do seu futuro Mercedes-EQ…

No âmbito da iniciativa “Electric First”, a Mercedes-Benz persegue a consistente eletrificação de todas as variantes de modelos e tipos de veículos como um claro objetivo a alcançar. Para esta finalidade, o crescimento gradual da percentagem de modelos totalmente elétricos no portolio de modelos é o fator decisivo ao longo dos próximos anos. Os designados modelos xEVs, híbridos plug-in e totalmente elétricos, devem representar mais de metade das vendas até 2030, que atualmente revelam uma tendência crescente. Os veículos elétricos da Mercedes-Benz estão a revelar uma crescente popularidade. A empresa forneceu um total de 45,000 veículos elétricos e híbridos plug-in (xEVs) em todo o mundo no terceiro trimestre de 2020.

Com a iniciativa “Ambition2039”, a Mercedes-Benz apresentou a sua estratégia para a neutralidade carbónica há cerca de um ano. O fabrico de veículos tem um papel decisivo a este respeito - em 2022, a rede de produção das divisões de veículos ligeiros de passageiros e de comerciais ligeiros da Mercedes-Benz em todo o mundo será neutra a nível de emissões de CO₂. Esta inclui mais de 30 fábricas de veículos ligeiros de passageiros e de comerciais ligeiros, bem como fábricas de produção de baterias.

Unidades de produção de baterias na Alemanha, Polónia, China, Tailândia e EUA

Atualmente, duas fábricas em Kamenz, na Alemanha, já produzem sistemas de bateria para modelos híbridos, híbridos plug-in e elétricos desde 2012. A segunda fábrica de baterias nestas instalações começou a funcionar em 2018 e tem produzido os sistemas de bateria do EQC desde 2019. Foi projetada desde o início para ser uma fábrica neutra em emissões de CO₂ e combina, entre outros, energia solar, energia geotérmica e uma central de produção combinada de calor e de energia elétrica. Os sistemas de bateria para o EQA também foram lançados recentemente da linha de produção nestas instalações. Desde o início da produção na Accumotive, mais de um milhão de baterias de iões de lítio para modelos elétricos, híbridos plug-in e sistemas elétricos de 48 V foram produzidas na fábrica de Kamenz.

A Mercedes-Benz e a BAIC estabeleceram conjuntamente uma fábrica de produção local de baterias nas atuais instalações do Yizhuang Industrial Park em Beijing, China. Esta fábrica disponibiliza a fábrica de produção de modelos na proximidade, que também acrescentou modelos totalmente elétricos da marca Mercedes-EQ ao seu portfolio com o EQC. A produção de sistemas de bateria para o EQC começou nesta fábrica em 2019. Com o início da produção do EQA, EQB e o EQE, a fábrica irá produzir sistemas de bateria para um total de quatro modelos Mercedes-Benz EQ a partir do início de 2021.

Este ano a fábrica de baterias de Jawor na Polónia iniciou a produção de baterias de modelos híbridos plug-in para o Classe C, Classe E e Classe S. No próximo ano, a fábrica irá expandir o seu portfolio para incluir sistemas de bateria para os modelos compactos da marca Mercedes-EQ, designadamente o EQA e o EQB. De forma semelhante à fábrica de baterias de Kamenz, a fábrica foi projetada desde o início para uma produção neutra em emissões de CO₂.

No futuro, nas instalações de Untertürkheim na Alemanha, duas fábricas irão produzir sistemas de bateria. As preparações finais para produção de sistemas de bateria para o EQS, que é fabricado na proximidade de Sindelfingen e cujo início da produção está previsto para o primeiro semestre de 2021, já estão a decorrer na fábrica de Hedelfingen. O sistema de bateria para o EQE também será produzido em Hedelfingen. Atualmente está a ser construída outra fábrica nas instalações de Brühl, que irá produzir sistemas de bateria para os modelos híbridos plug-in da Mercedes-Benz a partir de 2022. Os trabalhos de construção do edifício já estão concluídos. A fábrica de baterias em Brühl será equipada com o correspondente equipamento nos próximos meses.

A produção dos modelos SUV EQS e EQE será iniciada em 2022 na fábrica de Tuscaloosa da Mercedes-Benz nos EUA. Atualmente está a ser construída uma fábrica de baterias na vizinhança imediata e irá fornecer sistemas de bateria extremamente eficientes para ambos os modelos.

Por outro lado, em conjunto com o parceiro local Thonburi Automotive Assembly Plant (TAAP), a divisão Mercedes-Benz Cars estabeleceu uma fábrica de produção de baterias em Bangkok na Tailândia e iniciou as operações em 2019. Os sistemas de bateria para os atuais modelos híbridos plug-in Classe C, Classe E e Classe S são fabricados nesta fábrica. Nesta fábrica já está também a ser preparado o fabrico de baterias de propulsão para modelos totalmente elétricos da marca Mercedes-EQ.

Soc. Com. C. Santos reúne colaboradores e famílias em festa de Natal digital

23/12/2020 13:32

A Sociedade Comercial C. Santos substituiu o habitual jantar de Natal dos colaboradores por uma iniciativa digital no Youtube. Com presença ativa dos embaixadores da empresa Sónia Araújo, Mário Daniel, Nilton e Pedro Lemos, este espetáculo ocorreu à distância, mas aproximou toda a família do concessionário Mercedes-Benz e smart. Entretanto, a empresa disponibilizou aos colaboradores testes à Covid-19.

Este é um ano diferente, mas Natal será sempre Natal. Assim, a Sociedade Comercial C. Santos desafiou todos os colaboradores a estarem em família a assistir ao espetáculo de Natal, difundido, na passada sexta-feira (dia 18), através do YouTube, devido à pandemia. A segurança de todos é essencial para a empresa, mas isso não significa que se possa, em conjunto, ter momentos de diversão.

“Todos os anos realizamos um jantar de Natal, mas este ano não foi possível, pelas razões que se sabe. Contudo, não queríamos, nem podíamos, deixar passar este momento e, como mandam as atuais regras de saúde, optámos por realizar uma ação digital para assinalar esta quadra, não deixando, assim, de recordar aos nossos colaboradores que estamos presentes”, afirma o administrador-delegado da Sociedade Comercial C. Santos, Pinho da Costa.

 Humor, gastronomia e magia

 Este espetáculo, apresentado por Sónia Araújo, foi brindado por momentos de diversão, magia e gastronomia, com a bem-humorada intervenção de colaboradores da empresa. Foi precisamente pelo humor que a festa, que teve uma duração total de cerca de 37 minutos, arrancou, com o humorista Nilton a fazer umas perguntas bem divertidas (e truncadas) a algumas pessoas da Sociedade Comercial C. Santos.

Como Natal sem comida não é Natal, o chef Pedro Lemos desafiou quem assistia a aprender a fazer rabanadas, tão típicas desta época. Ficou a promessa do chef que, se possível, em 2021 fará rabanadas para os quase 400 colaboradores da empresa.

Se esta época do ano é mágica, o espetáculo de Natal digital em família da Sociedade Comercial C. Santos teria de fechar com o ilusionismo de Mário Daniel. O reconhecido mágico fez alguns truques com caras da Sociedade Comercial C. Santos, com a expressão de surpresa a ser generalizada.

“Um agradecimento especial aos nossos embaixadores e parceiros. Têm-se mostrado relevantes no processo evolutivo da empresa. São de um empenho e dedicação ímpares e fazem parte da nossa equipa”, indicou Pinho da Costa. “Desejo a todos os colegas, e suas famílias, desta fabulosa equipa, Sociedade Comercial C. Santos e Rent a Star, festas felizes e que o ano 2021 nos traga boas novas”, rematou o administrador-delegado da empresa.

 Disponibilizados testes à Covid-19

 De referir que, além dessa iniciativa, a empresa testou, esta terça (dia 22) e quarta-feiras (dia 23), todos os colaboradores à Covid-19 (antigénios). O objetivo é facultar um Natal a todos os colaboradores com a maior segurança e descanso no seio das respetivas famílias. Esta medida não invalida, obviamente, o cumprimento por parte das pessoas das regras estabelecidas pela DGS e pelos governantes portugueses.

Atletas internacionais parceiras da Soc. Com. C. Santos

21/12/2020 18:48

A Sociedade Comercial C. Santos renovou a parceria com as atletas internacionais Catarina Ribeiro, Salomé Rocha e Sara Moreira. Estes nomes grandes do atletismo português representam alguns dos valores mais importantes para a empresa.

A parceria entre Sociedade Comercial C. Santos e Catarina Ribeiro, Salomé Rocha e Sara Moreira já existia, mas o mais recente acordo prevê que a relação seja reforçada através de várias ações conjuntas entre as partes, sempre com o objetivo de serem divulgados os valores comuns, tais como o esforço e perseverança no sentido da conquista de resultados. A empresa vê na associação ao desporto, em particular feminino, uma excelente ferramenta de expressão desse sentimento de conquista e foco no objetivo, que, por vezes, tem de ser ainda maior nas mulheres, devido ao esforço suplementar a que são obrigadas no que respeita à conciliação entre família e atividade profissional.

Salomé Rocha destaca a identificação com Sociedade Comercial C. Santos e Mercedes-Benz. “Sempre acreditei que para ter sucesso teria de estar com os melhores. Nada melhor que ter como parceira a Sociedade Comercial C. Santos, empresa cuja atividade assenta em elevados padrões de qualidade nos serviços prestados. Identifico-me bastante com o lema da marca que representam ‘The Best or Nothing’”.

“Ser parceira de uma empresa com a importância da Sociedade Comercial C. Santos é um motivo de orgulho para mim, uma vez que me identifico com a forma como trabalham, a enorme resiliência necessária para tantos anos de sucessos e tantas conquistas que são motivo de alegria”, refere Sara Moreira.

Também Catarina Ribeiro qualifica a parceria com a Sociedade Comercial C. Santos como importante, “pois representa uma marca de excelência” e é “uma mais-valia ter a imagem associada a uma grande marca”. O apoio ao “desporto e ainda mais ao atletismo, que não é uma modalidade tão mediática como outras”, é também destacado pela atleta.

Apoio ao desporto feminino

Quanto ao apoio em concreto ao desporto feminino, Catarina Ribeiro salienta que as mulheres “cada vez mais se têm evidenciando nas mais diversas áreas” e que “serem destacadas pelos seus trabalhos contribui para evolução de uma sociedade mais equilibrada”.

Sara Moreira considera essencial o apoio ao desporto, em particular ao feminino, que, refere, precisa “de maior visibilidade no nosso país”. “Ter alguém connosco que tem essa preocupação é, sem dúvida, altamente motivador para poder continuar a trabalhar e a conquistar o que procuro”.

Salomé Rocha indica que é “fundamental para a sobrevivência” do atletismo haver entidades e empresas que o apoiem e que esse suporte faz ainda mais falta no feminino. “Numa era em que a sociedade se debate com problemas de igualdade de género, violência doméstica, emancipação da mulher, o apoio ao desporto feminino ganha um sentido especial”.

Três colecionadoras de troféus

O trio de atletas parceiras da Sociedade Comercial C. Santos integra nomes de grande plano do atletismo. As corredoras são presença assíduas em algumas das principais provas portuguesas e internacionais em representação do nosso país e o seu clube, o Sporting Clube de Portugal.

Catarina Ribeiro conta no currículo com vários títulos nacionais, os últimos dos quais o de campeã nacional de estrada de 2019 e de campeã nacional de corta-mato de 2018. Tem como recorde pessoal na maratona o tempo de 2h26m39s, que é marca de qualificação para os Jogos Olímpicos de Tóquio (adiados para 2021).

Salomé Rocha, que esteve presente nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro (2016) e contabiliza como recorde pessoal na maratona 2h24m47s, a terceira melhor marca de sempre em Portugal e marca de qualificação para os Jogos Olímpicos de Tóquio. A atleta, que é detentora de vários títulos nacionais, é a atual Campeã Nacional de Estrada.

Sara Moreira é uma das atletas com mais palmarés do atual panorama do atletismo português. Participou nos Jogos Olímpicos de Pequim (2008), de Londres (2012) e do Rio de Janeiro (2016). Além de vários títulos nacionais, conseguiu também vitórias além-fronteiras. Destaque para a medalha de ouro nos 3000 metros no Campeonato da Europa de Pista Coberta, em Gotemburgo (Suécia). Realce ainda para a medalha de ouro na meia maratona do Campeonato da Europa de Atletismo de 2016, disputado em Amesterdão (Países Baixos).

Seis novos modelos Mercedes-EQ a caminho… até 2022!

15/12/2020 10:57

Até 2022, serão produzidos um total de oito modelos elétricos Mercedes-EQ, em sete locais de três continentes. Aos atuais EQC e EQV, juntar-se-ão o EQA, o EQB, o EQS, o EQS-SUV, o EQE e o EQE-SUV. Preparado para a ofensiva elétrica Mercedes-EQ?

A Mercedes-Benz pretende alcançar a liderança no que diz respeito a modelos elétricos e ao software equipado nos veículos. A consistente eletrificação de todo o portfolio de produtos é um elemento fundamental da iniciativa estratégica “Ambition 2039” e um pré-requisito rumo à neutralidade carbónica. Em 2022, o portfolio irá incluir oito modelos totalmente elétricos da marca Mercedes-EQ. A rede global de produção da Mercedes-Benz está preparada para a ofensiva de modelos elétricos da empresa e está a integrar os seus modelos Mercedes-EQ na produção em série nas atuais fábricas de produção.

A produção do EQS, a primeira limousine de luxo elétrica da Mercedes-Benz, será iniciada no primeiro semestre de 2021, na Factory 56, nas instalações de Sindelfingen (Alemanha). Com o início da produção do SUV compacto elétrico EQA na fábrica de Rastatt (Alemanha) e a atual decisão de produzir o EQB na fábrica de Kecskemét na Hungria, a empresa está a adotar medidas importantes para a neutralidade carbónica do seu portfolio de produtos. Também foi dada prioridade à produção de propulsores elétricos na rede global de produção de cadeias cinemáticas. Os sistemas de baterias de elevada eficiência também serão fabricados e montados na rede de produção.

As fábricas de veículos Mercedes-Benz implementam consistentemente a ofensiva de modelos elétricos

Em maio de 2019, a produção do EQC na fábrica de Bremen da Mercedes-Benz foi integrada na contínua produção em série. Passados apenas alguns meses, a parceria de produção Germano-Chinesa, a Beijing Benz Automotive Co. Ltd. (BBAC), iniciou a produção do EQC para o mercado local da China. Em 2020, a produção do MPV elétrico premium EQV foi iniciada em Vitoria, no nordeste de Espanha.

Os clientes do segmento de modelos compactos podem aguardar com expetativa dois SUVs compactos totalmente elétricos em 2021, designadamente o EQA e o EQB. O EQA será apresentado a nível mundial a 20 de janeiro de 2021, como o primeiro modelo totalmente elétrico derivado deste segmento de compactos. O início da produção do EQA na fábrica de Rastatt da Mercedes-Benz decorreu normalmente. Tal como com o EQC fabricado em Bremen e Beijing e o EQV em Vitoria, que já se encontra disponível no mercado, os modelos totalmente elétricos da fábrica de Rastatt são produzidos na mesma linha de produção dos modelos compactos com cadeias cinemáticas convencionais e híbridas. Isso significa que todos os cinco modelos produzidos em Rastatt são eletrificados: além do EQA totalmente elétrico, o Classe A, Classe A limo, o Classe B e o SUV compacto GLA também são produzidos na fábrica de Rastatt da Mercedes-Benz - com motor de combustão e com cadeia cinemática híbrida. Desta forma a fábrica de Rastatt da Mercedes-Benz dá um contributo importante no sentido da disponibilização de um portfolio de modelos neutros a nível de emissões de CO₂ e da ofensiva de modelos elétricos da Mercedes-Benz AG. A produção do EQA também será iniciada no ano 2021 na BBAC em Beijing para o mercado Chinês.

A produção do EQB será iniciada em 2021 em duas fábricas da rede global de produção da divisão Mercedes-Benz Cars: na fábrica de Kecskemét da Mercedes-Benz na Hungria para o mercado mundial e na fábrica Germano-Chinesa BBAC em Beijing para o mercado local. A preparação da fábrica, incluindo a formação de trabalhadores e o trabalho de renovação, já está a decorrer. O SUV compacto EQB será o primeiro modelo totalmente elétrico produzido em série da fábrica da Hungria e irá complementar o portfolio de modelos híbridos plug-in, que consiste nos modelos CLA e CLA Shooting Brake. O Classe A também será produzido em Kecskemét com uma cadeia cinemática híbrida plug-in, além da produção na fábrica de Rastatt da Mercedes-Benz, na Alemanha.

Adicionalmente, no primeiro semestre de 2021 a produção da limousine de luxo elétrica EQS será iniciada na Factory 56, na fábrica de Sindelfingen, da Mercedes-Benz na Alemanha. O EQS é o membro independente e totalmente elétrico no novo programa do Classe S e é o primeiro a utilizar a nova arquitetura elétrica para os modelos elétricos do segmento de luxo da Mercedes-Benz. Na Factory 56, o Classe S e, no futuro, o Mercedes-Maybach Classe S e o EQS serão produzidos de forma totalmente flexível na mesma linha de produção. A Factory 56 incorpora o futuro da produção na Mercedes-Benz e estabelece novas referências em termos de fabrico de automóveis. Na Factory 56 são obtidos ganhos de eficiência de cerca de 25 por cento comparativamente à anterior linha de montagem do Classe S. Isto foi possível através da otimização de toda a cadeia de valor e da total digitalização com o MO360, o ecossistema de produção digital da Mercedes-Benz.

Adicionalmente, a fábrica de Bremen da Mercedes-Benz irá iniciar a produção do EQE no segundo semestre de 2021. O EQE complementa, desta forma, o portfolio de modelos totalmente elétricos em duas fábricas. A fábrica de Beijing irá então produzir um total de quatro modelos Mercedes-EQ para o mercado local.

A fábrica de Tuscaloosa da Mercedes-Benz nos EUA também está a preparar a produção dos SUVs EQE e EQS em 2022, que serão produzidos no futuro na mesma linha de produção dos SUVs com cadeias cinemáticas convencionais e híbridas plug-in.

Em 2022 será produzido um total de oito modelos elétricos Mercedes-EQ em sete locais de três continentes. Isto só é possível porque a empresa realizou logo desde cedo investimentos em todo mundo em flexibilidade e equipamento tecnológico com soluções da Indústria 4.0 orientadas para o futuro. Nas fábricas da Mercedes-Benz AG, os modelos com diferentes tipos de cadeias cinemáticas podem ser produzidos em paralelo graças às estruturas extremamente flexíveis. Com a perspetiva de a partir de 2030 alcançar o objetivo estratégico de gerar mais de metade das receitas através da venda dos designados modelos xEVs, ou seja, híbridos plug-in e elétricos, e de aumentar gradualmente a percentagem de modelos totalmente elétricos, o elevado grau de flexibilidade é uma vantagem decisiva, que permite ajustar rapidamente a produção em função da procura do mercado.

A smart complementa o portfolio de modelos elétricos da Mercedes-Benz Cars com três modelos adicionais. O smart EQ , o smart EQ fortwo cabrio são produzidos em Hambach, na França, enquanto o smart EQ forfour é produzido em Novo Mesto, na Eslovénia. A futura geração de modelos elétricos da smart será produzida pela parceria smart Automobile Co., Ltd. na China. Esta é uma parceria entre a Mercedes Benz AG e o Zhejiang Geely Group (Geely Holding).

A cadeia cinemática híbrida plug é um importante passo tecnológico e intermédio no sentido da produção de um portfolio de produtos totalmente elétricos. Mais de 20 variantes de modelos híbridos plug-in já são uma parte integral do portfolio de produtos da Mercedes-Benz. O portfolio será alargado para incluir mais de 25 variantes de modelos até 2025. Portanto a produção destas variantes também tem um papel importante na rede global de produção. Os veículos híbridos plug-in já estão a ser lançados das linhas de montagem da divisão Mercedes-Benz Cars em praticamente todas as fábricas de modelos.

Plano de negócios da Daimler aprovado para o período de 2021-2025

11/12/2020 10:24

A Daimler acelera a transformação rumo à eletrificação e à digitalização, tendo confirmado um plano de investimentos superior a 70 mil milhões de euros. O Conselho de Administração e a Comissão de Trabalhadores lançam igualmente um novo fundo de transformação de mil milhões de euros.

O Conselho de Supervisão da Daimler AG concedeu todo o seu apoio ao rumo estratégico da empresa, ao respetivo plano de negócios para o período compreendido entre 2021 e 2025, e às medidas definidas para atingir a meta de lucros.

Uma das medidas confirmadas foi o plano de investimentos para a contínua transformação rumo à eletrificação e à digitalização. Entre 2021 e 2025, a Daimler irá investir mais de 70 mil milhões de euros em investigação e desenvolvimento, e também em propriedades, fábricas e equipamento. A grande fatia deste investimento será destinada à divisão Mercedes-Benz Cars.

De acordo com o esclarecimento prestado durante a Atualização Estratégica da Mercedes-Benz a 6 de outubro, os investimentos em investigação e desenvolvimento e também o investimento em bens de capital da divisão Mercedes-Benz Cars irá diminuir durante este período e serão mais de 20% inferiores em 2025 quando comparado com o ano de 2019.

A Administração e a Comissão de Trabalhadores chegaram a acordo para a criação de um fundo de transformação no valor de mil milhões de euros e com um prazo de até 2025. Este é um montante adicional aos investimentos planeados. Os detalhes do fundo serão estabelecidos pelas duas partes no primeiro trimestre de 2021. Será principalmente utilizado para promover o desenvolvimento adicional das futuras tecnologias e para salvaguardar os postos de trabalho durante o processo de transformação nas fábricas alemãs.

Sociedade Comercial C. Santos promove conferência digital sobre mobilidade urbana

07/12/2020 16:58

image

A Sociedade Comercial C. Santos vai arrancar com um ciclo de conferências sobre temas relacionados com a mobilidade e o automóvel. A primeira edição das “SocTalks”, assim foi batizada a iniciativa, que, devido à pandemia arranca em formato digital, acontece já na quinta-feira à tarde, com transmissão nas plataformas Facebook (https://www.facebook.com/soccsantos) e YouTube (https://www.youtube.com/user/soccomcsantos).

A Sociedade Comercial C. Santos valoriza a discussão isenta e genérica de temas importantes para a economia e para a mobilidade. Mais, considera que as empresas têm um papel fundamental na discussão do presente e futuro de áreas-chave para economia e sociedade. Nesse sentido, o histórico concessionário Mercedes-Benz e smart vai arrancar com um ciclo de conversas digitais (pelo menos enquanto a atual conjuntura não aconselha a que se volte ao presencial a 100%), que batizou de SocTalks. A ideia é que se trate de pequenas conversas informais que sirvam para, de forma simples, esclarecer melhor o público.

image

Painel de créditos firmados

A primeira edição das SocTalks está marcada já para quinta-feira, 10 de dezembro, às 16h00 (até uma hora de duração) e terá como tema “Mobilidade Urbana – o futuro está aí?”.

Os participantes confirmados são Eduardo Vítor Rodrigues, presidente da Câmara Municipal de Gaia e do Conselho Metropolitano do Porto, Bruno Borges, head of operations na Free Now e doutorado em mobilidade urbana, Jorge Morgado, diretor de comunicação da Metro do Porto, numa conversa moderada por António Larguesa, jornalista do Jornal de Negócios. A estes excelentes convidados junta-se Aquiles Pinto, relações públicas da Sociedade Comercial C. Santos.

A ação será transmitida em direto no Facebook (https://www.facebook.com/soccsantos) e YouTube (https://www.youtube.com/user/soccomcsantos) da Sociedade Comercial C. Santos. O público poderá, através dos dois canais, colocar questões aos participantes.

Bem-vindo ao fabuloso mundo da aerodinâmica do Mercedes-AMG GT Black Series!

07/12/2020 15:51

O Mercedes-AMG GT Black Series tem, na sua sofisticada aerodinâmica, um dos seus maiores segredos para proporcionar uma condução dinâmica de excelência e muita próxima da que um veículo de competição pode transmitir. As muitas horas passadas em túnel de vento, não podiam ter sido mais bem aproveitadas…

Uma sofisticada aerodinâmica contribui significativamente para a elevada dinâmica e estabilidade de condução em qualquer viatura, e ainda em maior escala, se o objetivo desta for rodar em pista e, sobretudo, em circuitos rápidos. Por isso e dado o ADN do novo Mercedes AMG GT Black Series, pensado para estar tão à vontade na estrada como em pista, os seus projetistas e especialistas de aerodinâmica dedicaram muito do seu tempo a aprimorar o desenvolvimento aerodinâmico.

Tal como já tinha acontecido no AMG GT R e no AMG GT R PRO, os responsáveis do departamento aerodinâmico seguiram a máxima da ‘forma segue a função’, aplicando-a mais no caso do Black Series do que em qualquer outro modelo.

A similaridade com os modelos de competição AMG GT3 e AMG GT4 é visual e tecnicamente mais forte do que nunca. Começa com a nova entrada de ar do radiador e com dimensões significativamente superiores, que é adotada diretamente do modelo de competição AMG GT3.

O revestimento do radiador integra lamelas verticais em cromado escuro, e agora que os permutadores de arrefecimento nas cavas das rodas são também alimentados com ar diretamente através da entrada central, não existe necessidade das duas entradas de ar exteriores adicionais no para-choques dianteiro. Aqui, os apêndices aerodinâmicos curvilíneos otimizam o escoamento do ar, que não só aumentam a força aerodinâmica descendente no eixo dianteiro como também melhoram o arrefecimento dos travões. As 'cortinas de ar’ controlam e direcionam o fluxo no sentido das rodas. Em conjunto com os apêndices aerodinâmicos em frente às rodas, esta solução serve para reduzir o coeficiente de arrasto e aumentar a força aerodinâmica descendente.

O novo idioma de design combina, portanto, a máxima eficiência do ar de arrefecimento com a menor resistência ao escoamento do ar e com um maior nível de força aerodinâmica descendente no eixo dianteiro.

O repartidor dianteiro em fibra de carbono integra duas regulações manuais (Street e Race – este último, exclusivamente para utilização em circuitos fechados) e pode ser adaptado para satisfazer os vários requisitos em pista.

Quando estendido para a frente (posição Race), um difusor dianteiro na forma de um perfil em asa invertida é então criado na secção dianteira. Em função da velocidade de condução, este elemento é ainda mais rebaixado pela crescente pressão negativa, que acelera significativamente o fluxo de ar na secção inferior da carroçaria, criando um 'efeito de Venturi’ que também puxa o veículo no sentido da estrada e aumenta a força descendente no eixo dianteiro.

O condutor poderá sentir os benefícios na direção: o Black Series pode ser direcionado com uma precisão ainda maior em curva a alta velocidade e exibe uma estabilidade direcional igualmente superior. Especialmente em curvas rápidas e em fortes acelerações laterais, a resposta da direção é significativamente superior e o controlo do modelo é facilmente mantido em qualquer momento. Se o difusor dianteiro estiver na posição Race, a força descendente no eixo traseiro também pode ser aumentada ainda mais pelo novo conceito de aerofólio traseiro.

Capot com duas grandes saídas de ar para um melhor desempenho aerodinâmico

Outra característica adotada diretamente do desporto automóvel é o novo capot em fibra de carbono, com duas grandes saídas de ar, revestidas em fibra de carbono preta. As grandes saídas de ar direcionam o ar quente, que é alimentado a partir do pack de arrefecimento posicionado na diagonal, fora do compartimento do motor. Esta tecnologia também é diretamente adotada do desporto automóvel e permite aumentar a força descendente total. Ao mesmo tempo, a resistência ao escoamento do ar é reduzida e o fluxo de ar para o arrefecimento do motor é aumentado. O ar é também especificamente direcionado em torno dos pilares A e dos vidros laterais para a traseira, onde aumenta a eficiência do novo conceito de aerofólio traseiro.

As grelhas perfeitamente integradas, com cinco aletas na cor da carroçaria e saídas de ar atrás das rodas nas asas de fibra de carbono dianteiras ajudam a aumentar a força aerodinâmica descendente no eixo dianteiro através de uma efetiva ventilação das cavas das rodas. O fluxo de ar em torno do veículo é também melhorado pelos novos painéis de proteção das embaladeiras laterais e de maiores dimensões com elementos de revestimento em fibra de carbono preta, que se unem em forma de lamelas verticais na dianteira e na traseira. As adicionais condutas de ar de arrefecimento estão integradas nos painéis de proteção das embaladeiras laterais para o arrefecimento dos travões do eixo traseiro.

Conceito de aerofólio traseiro de duplo perfil

A traseira AMG GT Black Series é caracterizada pelo novo para-choques com um difusor de grandes dimensões, os dois duplos revestimentos redondos das ponteiras de escape nas extremidades esquerda e direita, a ventilação lateral das cavas das rodas e pelo inovador conceito do aerofólio traseiro. Ambos os perfis do aerofólio são construídos em fibra de carbono, podem ser mecanicamente regulados e adaptados às várias condições de pista. O segundo perfil posicionado a uma altura inferior foi projetado para ser particularmente pequeno e estreito porque esta solução é ideal para o ar escoado a partir da secção dianteira do veículo. Os apoios leves e ao mesmo tempo robustos em fibra de carbono do aerofólio, pintados em preto fosco e especialmente concebidos com base em extensas simulações também aumentam a eficiência aerodinâmica. Estão aparafusados à porta do compartimento de bagagens em fibra de carbono, que é também pintada na cor preto.

Outro detalhe fascinante: o perfil superior móvel. Este elemento de aerodinâmica ativa é eletricamente ajustado em 20 graus para se adaptar à situação de condução e ao programa AMG DYNAMICS selecionado, e melhora as dinâmicas longitudinal e transversal do modelo. Na posição plana, reduz a resistência ao escoamento do ar para ajudar o modelo a atingir mais rapidamente a velocidade máxima. Na posição inclinada, o perfil melhora o desempenho da travagem e a estabilidade em curva graças à maior força aerodinâmica descendente no eixo traseiro.

Podem ser selecionadas quatro diferentes estratégias de ativação em função do programa AMG DYNAMICS selecionado, designadamente o Basic, Advanced, Pro ou Master. Algumas destas estratégias também envolvem o reconhecimento da dinâmica de condução, por exemplo, o programa Master: o perfil é permanentemente inclinado e estendido até 250 km/h. Quando for atingida uma velocidade superior a 250 km/h, o perfil é recolhido de modo a reduzir a resistência ao escoamento do ar e desta forma permitir que a velocidade máxima seja atingida mais rapidamente. Contudo, se o condutor travar subitamente ou entrar numa curva, o perfil retorna imediatamente à sua posição estendida para melhorar a travagem e o desempenho em curva devido à maior força aerodinâmica descendente e resistência ao escoamento do ar. O perfil também pode ser recolhido ou estendido pelo condutor utilizando um botão separado na consola central.

Tecnologia verdadeiramente sofisticada, portanto, ao serviço de um dos mais modernos superdesportivos da atualidade, e que à eficiência aerodinâmica, junta um design musculado e o mais potente motor AMG V8 de sempre (com 730 cavalos de potência) para oferecer performances fora-de-série.

Mercedes-Benz EQC mais rápido a carregar

26/11/2020 15:06

A Mercedes-Benz aperfeiçoou a especificação tecnológica de série do EQC 400 4MATIC, que está agora equipado com um carregador de bordo de 11 kW, o suficiente para reduzir, significativamente, o tempo de carregamento com corrente alternada (AC).

Com o EQC 400 4MATIC, a Mercedes-Benz lançou no mercado o primeiro veículo da marca Mercedes-Benz EQ, estabelecendo um marco importante da estratégia Ambition 2039. Com um carregador de bordo mais potente de 11 kW, o EQC recebe agora um aperfeiçoamento tecnológico e pode ser carregado mais rapidamente na residência do cliente através da Wallbox e também em postos de carregamento públicos, com corrente alternada. Isto significa que a bateria de 80 kWh pode ser carregada em 7 horas e 30 minutos desde um estado de carga de 10 até 100 %, enquanto anteriormente seriam necessárias 11 horas com um carregador 7.4 kW de potência.

Naturalmente, o processo de carregamento é ainda mais rápido em postos de carregamento de corrente contínua (DC). Através do serviço Mercedes me Charge, os clientes podem utilizar comodamente a maior rede de carregamento atual do mundo sem quaisquer preocupações. Esta rede integra atualmente mais de 350,000 postos de carregamento de corrente alternada (AC) e de corrente contínua (DC) dispersos por 26 países. Com um único registo, os clientes podem aceder comodamente aos postos de carregamento a partir de uma variedade de fornecedores, mesmo fora dos seus países de residência. No veículo ou através da Mercedes me App, os clientes recebem o respetivo preço a partir dos fornecedores mesmo antes do processo do carregamento.

O EQC foi o primeiro veículo totalmente elétrico a ser integrado na produção contínua na fábrica de Bremen da Mercedes-Benz em maio de 2019. É produzido nestas instalações na mesma linha de produção utilizada no fabrico das variantes Classe C Limo e Station, bem como dos modelos GLC e GLC Coupé. As baterias equipadas no EQC nas instalações de Bremen são fabricadas pela Accumotive na fábrica de Kamenz (na proximidade de Dresden), uma subsidiária detida na totalidade pela Mercedes-Benz. Na China, no âmbito da parceria com a Beijing Benz Automotive Co. Ltd (BBAC), o EQC e os correspondentes sistemas de bateria também são produzidos em Beijing desde finais de 2019. As capacidades de produção nas fábricas foram aumentadas gradualmente desde o início da produção.

A crescente gama de modelos da Mercedes-Benz com bateria carregável através de fonte externa (xEV) está a ser muito bem recebida pelos clientes, como comprova o aumento contínuo da procura e das encomendas recebidas. Entre julho e setembro foram entregues a clientes mais de 10.000 veículos xEV, sendo o primeiro trimestre com vendas unitárias acima desta marca. No total, foram entregues cerca de 45.000 veículos xEV em todo o mundo no terceiro trimestre, incluindo cerca de 2.500 modelos EQC em setembro. O portfolio global de produtos da Mercedes-Benz engloba agora cinco modelos totalmente elétricos e mais de 20 variantes híbridas plug-in.

Novos dados técnicos de consumos e autonomia (WLTP):

EQC 400 4MATIC

Consumo energia -  25,5-21,7 kWh/100km

Emissões -  0 g/km

Autonomia -  361-420km

Novo Mercedes-Maybach Classe S: uma nova dimensão de luxo

20/11/2020 13:45

32Al1

image

O luxo atingiu uma nova dimensão com a chegada do novo Mercedes-Maybach Classe S, capaz de combinar a perfeição e as soluções tecnologicamente modernas do porta-estandarte Mercedes-Benz Classe S com a exclusividade e tradição da Maybach. O bem-estar dos ocupantes do compartimento traseiro foi priorizado, podendo o sumptuoso habitáculo tanto se transformar num “escritório” de luxo como numa requintada “sala de repouso”. Abrimos-lhe agora a porta deste distinto e magnificente automóvel de detalhes exclusivos…

O Mercedes-Maybach Classe S (comprimento/largura/altura: 5469/1921/1510 milímetros) é um clássico modelo de três volumes. Os elementos distintivos na secção dianteira incluem o capot característico com uma lamela cromada e a grelha do radiador Mercedes-Maybach. Esta última distingue-se facilmente pelas suas aletas verticais e tridimensionais. A insígnia MAYBACH é elegantemente integrada no adorno cromado da grelha. As portas traseiras são mais largas do que as dos seus modelos irmãos, enquanto os pilares C integram um vidro de custódia fixo. A exclusividade é enfatizada pelo logótipo de marca Maybach no pilar C. O Mercedes-Maybach Classe S pode ser equipado com portas traseiras de conforto operadas eletricamente.

image
image

Como opção, a aparência de exclusividade do Mercedes-Maybach Classe S pode ser reforçada através de uma pintura de duas tonalidades com linha divisória. Esta é aplicada à mão de acordo com os mais exigentes critérios de qualidade. A revolucionária tecnologia de iluminação DIGITAL LIGHT dos faróis está disponível como equipamento opcional, e permite utilizar funções novas como, por exemplo, a projeção de marcas auxiliares ou sinais de aviso na estrada em frente ao modelo. Em cada farol, o sistema DIGITAL LIGHT integra um módulo de iluminação com três LEDs de elevada potência, cuja luz é refratada e direcionada por 1.3 milhões de micro espelhos.

image

O interior: amplo espaço e excelente conforto no compartimento traseiro

O interior do Mercedes-Maybach Classe S tem por base o revolucionário design interior do novo Mercedes-Benz Classe S. O visual esculpido do tablier, a consola central e o apoio de braços aparentam flutuar numa paisagem interior em expansão. No Mercedes-Maybach Classe S, também os equipamentos de luxo digitais e analógicos são harmoniosamente combinados. Estão disponíveis até cinco ecrãs. De série, o modelo está equipado com um ecrã central OLED de 12.8 polegadas, que constitui a interface do utilizador para o controlo das inúmeras funções tecnologicamente avançadas. Está disponível como equipamento opcional um ecrã do painel de instrumentos de 12.3 polegadas, com representação tridimensional dos outros utentes da via, profundidade pronunciada e efeitos de tonalidades.

image

O visual distintivo do ecrã do painel de instrumentos, no modo Exclusive, realça o estatuto especial do Mercedes-Maybach. Os adornos dos instrumentos analógicos têm a cor da marca rosé gold.

image
image

Esta cor também é utilizada na iluminação ambiente ativa (equipamento opcional), designadamente na faixa de luz LED animada com as funções inteligentes de conforto e de segurança. O interior também está equipado com uma função adicional na forma do esquema de iluminação “Rear Welcome”. Com o Mercedes-Maybach é estreada a iluminação traseira adaptativa. Este equipamento destina-se a satisfazer as várias pretensões dos ocupantes. Além da intensidade de iluminação, a dimensão e a posição do projetor de luz podem ser ajustadas. Está também disponível uma ampla gama de regulação entre luz de trabalho rigorosa e luz ambiente relaxante.

image

O interior do modelo também está plenamente equipado com elementos de luxo clássico. Os novos equipamentos incluem as grandes superfícies de revestimento nos bancos dianteiros. Elementos em madeira de elevada qualidade revestem o lado posterior dos encostos dos bancos dianteiros. Em combinação com o compartimento traseiro de primeira classe, o modelo está equipado com uma igualmente atraente secção de revestimento posicionada entre os dois passageiros traseiros. A distância entre eixos 18 cm superior comparativamente à versão longa do Mercedes-Benz Classe S beneficia claramente os ocupantes do compartimento traseiro.


image

Os bancos traseiros individuais Executive equipados de série e o pack Chauffeur são uma clara indicação em como o proprietário de um Mercedes-Maybach Classe S irá normalmente acomodar-se no compartimento traseiro. O ocupante pode ajustar o assento e o encosto do banco Executive de forma independente. A utilização do poisa-pés no banco dianteiro e o apoio das pernas eletricamente extensível permite criar uma superfície inclinável contínua e confortável para uma agradável posição de dormida. O curso de regulação do apoio das pernas foi estendido em aproximadamente 50 mm comparativamente ao modelo antecessor. A função de massagem do apoio dos gémeos integrada no pack Seating Comfort dos bancos traseiros é outro equipamento novo. O aquecimento do pescoço/ombros no banco traseiro é outra funcionalidade de conforto.

image

O sistema de informação e de entretenimento MBUX (Mercedes-Benz User Experience) permite uma utilização ainda mais personalizada e intuitiva

A segunda geração do MBUX (Mercedes-Benz User Experience), lançada em 2018, foi estreada no novo Classe S. A funcionalidade exclusiva do MBUX corresponde à sua ligação em rede com uma ampla gama de sistemas e de sensores do veículo. Até cinco ecrãs de alto brilho, alguns com tecnologia OLED, permitem uma maior facilidade de controlo do veículo e das suas funções de conforto. As possibilidades de personalização e operação intuitiva foram extremamente alargadas. Como opção, o Mercedes-Maybach Classe S também pode ser equipado com o Assistente de Interior do MBUX no compartimento traseiro.

image

O Assistente de Interior do MBUX reconhece várias intenções dos ocupantes. De modo a assistir os ocupantes com funções automáticas do veículo em função da situação do momento, o sistema reconhece a direção do olhar, os gestos com as mãos e a linguagem corporal dos ocupantes. O Mercedes-Maybach Classe S também pode reconhecer movimentos e gestos dos passageiros traseiros com recurso às câmaras laser 3D instaladas no revestimento do tejadilho. A função de aviso de saída também foi estendida e agora pode detetar se um passageiro traseiro pretende sair do veículo.

Motores aperfeiçoados para um eficiente fornecimento de potência

Os motores do Mercedes-Maybach Classe S são oriundos da gama da Mercedes-Benz e são em parte eletricamente assistidos. A assistência elétrica é fornecida por um motor de arranque / alternador integrado (ISG) de segunda geração, que fornece uma potência suplementar de até 15 kW, facilita uma eficiente “circulação em roda livre” quando o veículo é conduzido a uma velocidade constante, torna a experiência de arranque/paragem ainda mais confortável e permite obter uma maior eficiência geral da cadeia cinemática.

image

A caixa de velocidades 9G-TRONIC foi adicionalmente desenvolvida e adaptada para o ISG. O permutador de arrefecimento do óleo da caixa de velocidades, o motor elétrico e a eletrónica de potência foram agora instalados na própria caixa de velocidades. Em combinação com o ISG foi possível eliminar o acionamento dos acessórios que anteriormente era realizado por duas correias, pois agora é utilizado um compressor elétrico do A/C. Isto significa que mesmo quando o motor não está em funcionamento (fases de arranque/paragem do motor e de circulação em roda livre), o ar no interior do habitáculo pode ser eficiente e confortavelmente climatizado. O sistema de tração integral é um equipamento de série.

image

Suspensão: configuração confortável com agilidade surpreendente

A suspensão pneumática AIRMATIC com amortecimento de ajuste contínuo ADS+ é um equipamento de série. Utilizando o sistema DYNAMIC SELECT, o condutor poderá modificar individualmente as características da cadeia cinemática, do ESP®, da suspensão e da direção. A seleção é realizada através de um botão de controlo na secção inferior do ecrã central. O sistema DYNAMIC SELECT integra um programa da transmissão específico da MAYBACH. Este incide principalmente nas características do conforto de condução.

image

A opcional direção do eixo traseiro melhora a capacidade de manobra do modelo em zonas urbanas. Esta reduz o diâmetro de viragem em quase dois metros. Os clientes têm à sua disposição uma seleção de duas versões: direção do eixo traseiro de 4.5° e de 10°. Ao invés de 13.1 metros, o diâmetro de viragem é então reduzido para 12.2 ou 11.2 metros.

A opcional suspensão totalmente ativa E-ACTIVE BODY CONTROL com sistema elétrico de 48 V utiliza uma câmara estéreo para analisar a estrada em frente ao veículo e amortecer as suas ondulações e irregularidades. É também utilizada numa função de proteção adicional na eventualidade de uma colisão lateral.

Conforto acústico: extraordinariamente silencioso e isento de vibrações

A nova limousine de luxo viu melhorada ainda mais as já excelentes características a nível de ruído, vibração e aspereza da nova geração do Classe S. As extensas medidas de melhoria a nível de ruído, vibração e aspereza beneficiam principalmente o compartimento traseiro. Na secção das cavas das rodas traseiras, por exemplo, foi instalado material absorvente e isolante adicional. Os adicionais vidros de custódia fixos nos pilares C são constituídos por vidros laminado de maior espessura devido ao facto se encontrarem extremamente próximos das cabeças dos passageiros traseiros. Os pneus de baixo ruído com material absorvente estão disponíveis para o Mercedes-Maybach como equipamento opcional.

image
image

A Mercedes-Maybach utilizou pela primeira vez o sistema de redução ativa de ruído da estrada. O sistema reduz os indesejados ruídos de baixa frequência utilizando ondas sonoras desfasadas. Os altifalantes de baixas frequências do sistema de som surround Burmester® high-end 4D são utilizados na reprodução do som.

image

Segurança: maior proteção antes e durante eventuais acidentes

Especialmente no Mercedes-Maybach Classe S, foi sempre prestada particular atenção à segurança da secção traseira do modelo. A comprovar estão os inovadores airbags traseiros equipados no modelo: na eventualidade de uma severa colisão frontal, este equipamento opcional pode reduzir significativamente as cargas que atuam na cabeça e no pescoço dos ocupantes dos assentos laterais do banco traseiro com os cintos de segurança colocados. No Mercedes-Maybach Classe S, os passageiros do banco traseiro de uma variante limousine beneficiam pela primeira vez de um extensor automático dos cintos de segurança. Trata-se de um convite indireto à colocação do cinto de segurança e também torna o processo de colocação mais confortável. O extensor do cinto de segurança está integrado no encosto regulável do banco Executive e, portanto, encontra-se sempre na posição certa para o passageiro.

image

Durante a condução do dia-a-dia, os novos e os alargados sistemas de assistência reduzem o esforço despendido pelo condutor em função da situação de trânsito, adaptando a velocidade, controlando a distância, a direção e as manobras de mudança de faixa de rodagem do veículo. Isto permite ao condutor manter elevados os níveis de atenção durante mais tempo e chegar ao seu destino com maior segurança e conforto. Na eventualidade de situações de perigo, os sistemas de assistência à condução podem atuar de acordo com a situação e mitigar a severidade de possíveis colisões, ou até evitá-las.

image

Com o sistema DRIVE PILOT, prevê-se que a produção em série da condução autónoma parcial na Mercedes-Benz seja iniciada a partir do segundo semestre de 2021. Em troços apropriados de vias reservadas a automóveis e onde a densidade do tráfego seja elevada, o DRIVE PILOT pode assumir a condução do veículo, inicialmente até à velocidade de 60 km/h permitida por lei.

A marca: uma história de 100 anos a definir o luxo do futuro

A Mercedes-Maybach é sinónimo de luxo constantemente em reinvenção. Com base numa compreensão do luxo e da qualidade superlativa que evoluiu ao longo da história, a Mercedes-Maybach sempre redefiniu o luxo do futuro. Mais do que nunca, a Mercedes-Maybach representa agora o “luxo sofisticado”. A marca combina a tecnologia avançada e a perfeição Mercedes-Benz com a exclusividade e o luxo elegante da MAYBACH.

O novo Mercedes-Maybach Classe S segue uma tradição única de criação de modelos de prestígio exclusivos pelas marcas Mercedes-Benz e Maybach. A Maybach Motorenbau GmbH apresentou o seu primeiro automóvel por ocasião do salão Berlin Automobile Exhibition em 1921: o Maybach Model W3 com carroçaria desenhada pela Auer em Cannstatt.

image

Em 1930 foi apresentado o Mercedes-Benz 770 “Grand Mercedes” (W 07) e em 1938 foi substituído pelo modelo da série W 150 com o mesmo nome. Nos anos cinquenta do século XX, a marca regressou ao segmento de luxo com o Mercedes-Benz 300 (W 186 e W 189). O modelo seguinte de elevado prestígio, o Mercedes-Benz 600 (W 100), chegou no ano de 1963. As luxuosas limousines Pullman do Classe S da série 140 (apresentadas em setembro de 1995) e da série 220 (a partir de 2000) deram continuidade a esta tradição no novo milénio.

image

Em 2002, a então DaimlerChrysler AG revitalizou uma das marcas de automóveis mais exclusivas da Alemanha com as limousines de luxo Maybach da série 240. Por último, em 2014, o Classe S da atual marca Mercedes-Maybach celebrou a sua estreia com a série 222. Este estabeleceu novas referências com as variantes Mercedes-Maybach S 600 Pullman (2015) e S 600 Pullman Guard (2016).

image

Desde o lançamento de mercado em 2015 foram vendidas cerca de 60.000 unidades do Mercedes-Maybach Classe S em todo o mundo. Em 2019, com cerca de 12.000 unidades, foram vendidos mais modelos Mercedes-Maybach Classe S do que em qualquer ano anterior. Juntamente com a China, os principais mercados nos anos recentes foram a Rússia, a Coreia do Sul, os EUA e a Alemanha. O novo Mercedes-Maybach Classe S está preparado para dar continuidade a esta história de sucesso e tem chegada prevista no verão de 2021.

image

Números que dizem “tudo”…

Por vezes, os números dizem mais do que mil palavras.

O Mercedes-Maybach Classe S tem uma distância entre eixos 18 cm superior à da versão longa do Mercedes-Benz Classe S: 3396 mm ao invés de 3216 mm.

A iluminação ambiente ativa integra um total de 253 LEDs.

Os sinais de áudio desfasados da função de redução ativa de ruído alcançam o ouvido humano em cerca de três milissegundos para neutralizar o normal ruído da estrada produzido pela deslocação do veículo.

A temperatura do opcional compartimento de refrigeração no apoio de braços traseiro é regulável entre +1 e +7 °C.

Na posição de chauffeur, o encosto do banco do passageiro dianteiro com o pack Chauffeur pode ser inclinado em 23° para a frente, para além da posição de 90°. As regulações longitudinais e em altura do banco permitem criar mais espaço para as pernas dos passageiros do banco traseiro.

image

O ângulo máximo dos encostos dos bancos Executive é de 43.5 graus. A posição máxima vertical de 19 graus do encosto do banco permite uma posição de trabalho relaxante no banco traseiro.

image

Desde o lançamento de mercado em 2015 foram vendidas mais de 60,000 unidades do Mercedes-Maybach Classe S Limo em todo o mundo. Nos últimos anos, só no mercado da China foram vendidas cerca de 600 unidades. Em 2019, a média excedeu até as 700 unidades por mês.

A aplicação rigorosa da opcional pintura de duas tonalidades poderá demorar até 1 semana.

image

Quando totalmente equipado, e se a função PRE-SAFE® Impulse Side e os airbags dos cintos de segurança estiverem incluídos, o interior Mercedes-Maybach integra um total de 18 airbags.

Mercedes-AMG GT Black Series é o mais rápido veículo de produção em série no circuito de Nürburgring-Nordschleife

19/11/2020 17:22

O novo Mercedes-AMG GT Black Series demonstrou todo o seu potencial, ao firmar-se como o novo recordista do exigente circuito Nürburgring-Nordschleife, na categoria de veículos de produção em série sem alterações técnicas! Com o seu potente motor V8 de 537 kW (730 CV), uma aerodinâmica ativa excecional, o superdesportivo provou quão próximo está de um verdadeiro veículo de competição!

Com um tempo oficialmente medido e certificado de 6m43,616s para percorrer 20,6 km de extensão do circuito Nürburgring-Nordschleife (medido sem a reta no setor T13) e 6m48,047s para os 20.832 km de extensão total da pista (medição que inclui a reta do setor T13), o Mercedes-AMG Black Series confirmou a presença entre a elite dos veículos desportivos homologados, carimbando o passaporte de líder entre os modelos totalmente de série, sem modificações, que já passaram pelo mítico “Inferno Verde” com o cronómetro ligado.  

Maro Engel, piloto da categoria GT3, explorou todas as possibilidades oferecidas pelo novo Mercedes-AMG GT Black Series de série, como o mais potente motor de produção em série de sempre, o AMG V8, com uma potência de 537 kW (730 CV), a sofisticada aerodinâmica e as extensas opções de regulação da suspensão. Por exemplo, o repartidor dianteiro construído em fibra de carbono foi estendido para a posição de “Corrida”, enquanto as asas inferior e superior do aerofólio traseiro foram ajustadas cada uma para a posição intermédia. A suspensão AMG regulável com amortecimento adaptativo foi rebaixada em cinco milímetros no eixo dianteiro e três milímetros no eixo traseiro, por forma a reforçar o efeito de venturi no difusor dianteiro. Os ângulos de sopé foram ajustados para os valores máximos possíveis, de -3.8 graus no eixo dianteiro e de -3.0 graus no eixo traseiro. No caso das barras estabilizadoras ajustáveis, o piloto optou pela configuração mais rígida de entre as três possíveis e ajustou o controlo de tração AMG de nove níveis entre as posições seis e sete, em função do setor do circuito. Os clientes do AMG GT Black Series também têm à sua disposição todas estas regulações e variações.

Isto também se aplica aos pneus MICHELIN Pilot Sport Cup 2 R MO com um “composto macio”, que são parte integrante do equipamento de série e foram desenvolvidos em colaboração com o parceiro de desenvolvimento Michelin, especialmente para os principais veículos de competição da série AMG GT series. O máximo nível de segurança possível foi assegurado não só pelo sistema de travões compósitos cerâmicos AMG de elevado desempenho e de série, mas também pelo Pack Track com sistema de proteção anti capotamento e cintos de segurança de quatro pontos fornecidos como equipamento de série.

A eficiência aerodinâmica do Mercedes-AMG GT Black Series também exerce uma grande influência no desempenho geral do modelo desportivo. Uma derivação direta do desporto automóvel, por exemplo, é o capot em fibra de carbono com duas grandes saídas de ventilação. Estas orientam especificamente o ar quente do radiador para fora do compartimento do motor, o que permite aumentar a força vertical descendente, como o faz a asa traseira e a secção inferior do chassis amplamente fechada.

Tal como sucedeu com o engenheiro de desenvolvimento Demian Schaffert da AMG, que no mesmo dia estabeleceu um novo registo de volta mais rápida com o Mercedes-AMG GT 63 S 4MATIC+, as condições também não eram propriamente ideais para Maro Engel - quando o piloto de GT3 passou pelo semáforo de controlo do sistema de cronometragem a 4 de novembro de 2020 pelas 17h02 min, não só já tinha percorrido os 20.832 kms de extensão do “Green Hell” ao anoitecer, como também tinha acabado de alcançar o melhor tempo a uma temperatura do ar ambiente de sete graus Celsius e com o asfalto a uma temperatura de dez graus Celsius. Além disso, alguns setores do exigente circuito ainda não estavam totalmente secos.

Os rápidos tempos de volta foram rigorosamente cronometrados por especialistas independentes da “wige SOLUTIONS”. Um notário independente também certificou a condição do veículo bem como as medições. A condução espetacular pode ser assistida num vídeo através do seguinte endereço:

http://amg4.me/GT_BS_ring_lap

Mês Zero: + 500 oportunidades Mercedes-Benz e smart este Natal na Soc. Com. C. Santos

17/11/2020 17:41

image

Alturas excecionais, exigem compromissos especiais. É por isso que a Sociedade Comercial C. Santos, transformou, a título excecional, o seu tradicional “Dia Zero” em “Mês Zero”, alargando, para um mês, o período para adquirir oportunidades exclusivas Mercedes-Benz ou smart. E são mais de 500! É caso para dizer que, de 23 de novembro a 23 de dezembro, o Natal chegou mais cedo à Sociedade Comercial C. Santos. É a hora de vir escolher a sua “prenda” …

É já na próxima segunda-feira (dia 23 de novembro) que, a pensar em si, a Sociedade Comercial C. Santos voltará a inovar. Pela primeira vez, e fruto das circunstâncias especiais que atravessamos por força da pandemia, o seu concessionário Mercedes-Benz e smart levará a cabo uma iniciativa de foco comercial que se prolongará por um mês, e que lhe permitirá ter acesso a mais de 500 oportunidades dos mais diversos modelos Mercedes-Benz e smart, através de condições de aquisição especialmente vantajosas e que incluem ofertas imperdíveis.  

image

Entre 23 de novembro e 23 de dezembro, as vantagens do tradicional “Dia Zero” serão estendidas durante 30 dias, para que as visitas se façam de forma programada e agendada, privilegiando a segurança sanitária, uma prioridade absoluta nos tempos que correm.

A exemplo de que acontecia no “Dia Zero”, também o “Mês Zero” assume o carácter de evento híbrido, sendo possível agendar a visita presencial ou online (através das plataformas digitais Skype, WhatsApp, Messenger e Microsoft Teams), de acordo com a sua preferência e disponibilidade, com a garantia, em qualquer dos casos, que à sua espera estarão mais de 500 viaturas ligeiras e comerciais, seminovas e usadas, a preços de oportunidade.

Se escolher a opção presencial, saiba que os horários estão também adaptados à “nova normalidade”, estando o espaço da Soc. Com. C. Santos da Maia (junto ao Aeroporto Francisco Sá Carneiro) pronto para o receber, de segunda a sexta, das 10h às 20h, e aos sábados, entre as 10h00 e as 13h00. Naturalmente, à sua disposição estarão também todas as condições sanitárias de higiene protocolares que o momento exige.

Venha escolher o seu Mercedes-Benz ou smart preferido!

Entre os Mercedes-Benz disponíveis, destaque para os modelos compactos – Classe A, Classe A Sedan, Classe B, CLA e CLA Shooting Brake -, mas também para os modelos do segmento médio – Classe C (Limousine, Coupé e Station) e GLA. O segmento superior, que engloba modelos como o Classe E (Limousine, Station, Coupé e Cabrio), GLC, GLE, Classe S, CLS, Classe V e Classe X, também está pronto para satisfazer as suas necessidades ou desejo, da mesma forma que ao seu dispor estarão igualmente um leque de viaturas muito exclusivas ou de carácter mais desportivo e aptas para transformar verdadeiros sonhos em realidade.

image

Alguns dos modelos Mercedes-Benz apresentados, estarão também já disponíveis com as novas motorizações EQ Power Híbridas Plug-in, seja nas variantes diesel ou gasolina, para que a sua escolha possa a aliar, afinal, a decisão emocional à racional.

Em simultâneo, na smart, as diversas versões dos modelos fortwo e forfour serão as estrelas de serviço à sua espera, com motorizações a gasolina ou elétricas, estas últimas prontas para lhe abrirem a porta do mundo EQ (Electric Intelligence).  

Para além dos preços tentadores e condições de aquisição especiais, todas as viaturas terão a garantia Mercedes-Benz Certified de 24 meses, um privilégio a que se junta outro, ou seja, a oferta da primeira manutenção após a aquisição.  

Se este ano, todos merecemos uma prenda especial, está na hora de vir escolher a sua! Faça a sua marcação, através dos contactos diazero@soccsantos.pthttps://soccsantosusados.pt/meszero ou 913 009 104.

B2B Connect é o novo portal digital da Mercedes-Benz para acesso a peças e serviços de apoio

06/11/2020 17:40

image

 Sempre com o objetivo de melhorar a qualidade dos seus serviços, a Mercedes-Benz criou um novo canal digital reservado a Oficinas Independentes para acesso a peças genuínas e serviços de apoio Mercedes-Benz, denominado “B2B Connect”.  

A Mercedes-Benz lançou recentemente o novo portal B2B Connect, para Oficinas Independentes. Este portal, de simples acesso através de registo numa área digital, permite a Oficinas Independentes adquirirem peças genuínas Mercedes-Benz, obterem informações de reparação e manutenção das viaturas, ou soluções de informação e de apoio no diagnóstico e localização de avarias. O B2B Connect possibilita, deste modo, às Oficinas Independentes obterem um rápido acesso a informação de qualidade, garantindo uma maior fidelização dos seus clientes.

image

O novo Portal B2B Connect reúne todas as plataformas após-venda existentes e de uso profissional para as Oficinas independentes e Clientes frotistas com oficinas próprias. O portal WebParts, lançado em Portugal em 2006, está agora integrado nesta nova plataforma. O WebParts é um canal de e-commerce da Mercedes-Benz para a venda de peças genuínas Mercedes-Benz e smart às Oficinas multimarca. Através deste portal é estreitada a relação comercial com o Cliente, 24 horas por dia, 365 dias por ano. Os Clientes registados neste canal encontram-se associados à Oficina Autorizada Mercedes-Benz com quem têm estabelecida uma relação comercial, podendo em qualquer momento, proceder a encomendas de peças genuínas sempre que necessitarem.

A partir de agora tem ao seu dispor o acesso ao novo portal B2B Connect em b2bconnect.mercedes-benz.com.